COLUNA DO FLA

Na noite desta segunda-feira (10), Vanderlei Luxemburgo, atual técnico do Palmeiras, foi o convidado do programa Jogo Sagrado, da Fox Sports. Durante o debate, Luxa minimizou os feitos de Jorge Jesus na temporada vencedora do ano passado e destacou a partida contra o Emelec como ‘divisora de águas’ por causa de um suposto pênalti não marcado.

+ Jesus define futuro de Piris da Motta no Flamengo

+ Reforço na área? Jorge Jesus diz que Flamengo deve contratar mais um jogador

"E o Jesus, quando ele veio para o Flamengo, no início foi muito perigoso, porque seria tudo ao contrário, nós estaríamos falando tudo diferente aqui, se aquela penalitzinho do Emelec fosse dado… Aquilo lá deu uma segurança pro Jesus, dali pra frente ele contratou, deu saúde para os jogadores. Nunca teve no Brasil cinco jogadores que jogaram a Champions jogando no mesmo time", disse.

O Flamengo nadou de braçadas nos campeonatos de 2019 e foi campeão de tudo, conquistando uma tríplice coroa. Ao comando de Jorge Jesus, o Mais Querido mudou completamente a forma de jogar. A postura de impor o jogo deu certo, os resultados apareceram e o Rubro-Negro celebrou o hepta do Brasileirão e o bi da Libertadores.

Para 2020, o planejamento não é diferente. O objetivo da diretoria, do Mister e dos jogadores, é superar os recordes alcançados no ‘ano mágico’, repetir as conquistas, levantar mais títulos e chegar, novamente, à final do Mundial de Clubes, para tentar igualar o feito do time de 81, campeão Mundial.

Já segue o Flamengo no Instagram? Faça parte da nossa torcida!