O Grêmio é um dos clubes que mais tem se destacado no futebol brasileiro por revelar jogadores nos últimos anos. Em 2020, o clube realizou uma grande campanha na Copa São Paulo de Futebol Júnior, perdendo o título nos pênaltis, na decisão histórica contra o rival Internacional. Em 2019, o Tricolor Gaúcho também foi à final do Campeonato Brasileiro de Aspirantes. Os bons resultados que a base vem alcançando chamam atenção da diretoria, que valorizou três promessas.

Na tarde desta quarta-feira, o Grêmio anunciou a renovação de contrato de Jhonata Varela, de 19 anos. O meio-campista, que também já atuou na lateral-esquerda, estendeu seu vínculo até 2023. Outro que teve permanência confirmada foi o lateral Jefferson, também de 19 anos. O defensor, que estava emprestado pelo ABC, assinou em definitivo pela primeira vez com o Tricolor. Ambos fazem parte da equipe de transição.

+ Kannemann passa por cirurgia e vai desfalcar o Grêmio

+ Trio retorna da seleção e pode reforçar o Grêmio no clássico do fim de semana

+ Preparador físico do Grêmio define prazo de retorno do meia Jean Pyerre

Quem também fica em Porto Alegre é um dos grandes destaques do time na última edição da Copinha. O atacante Fabrício, que foi titular durante toda a campanha, participando do lance do gol do 1x1 no jogo decisivo contra o Internacional, foi comprado junto ao Brasil de Pelotas. O camisa 9, de 19 anos, deverá fazer parte do time sub-20, mas poderá ser promovido ao time de transição.

Natural de Cachoeira do Sul, na região central do Rio Grande do Sul, Fabricio deverá assinar um vínculo com a duração de quatro temporadas. De acordo com a reportagem do site GaúchaZH, o presidente do Brasil de Pelotas, Ricardo Fonseca, revelou que o negócio será resolvido até o final da semana. O Grêmio deverá adquirir 50% dos direitos econômicos, com o restante permanecendo ao Xavante.

Fonte: BolaVip

Já segue o Grêmio no Instagram? Faça parte da nossa torcida!