​O Botafogo passa por uma grande crise financeira desde 2014 e, desde então, vem trabalhando dentro e fora de campo para se reerguer no cenário do futebol nacional; em 2019, após a aprovação do projeto dos irmãos Moreira Salles, se tornou um clube-empresa. Tudo está sendo alinhado e a diretoria do Fogão acredita que, em pouco tempo, terá uma estrutura melhor e voltará a brigar com os outros grandes clubes do Brasil para conquistar títulos importantes.

+ Montenegro confirma chegada de reforço no Botafogo

+ João Paulo fala sobre propostas para deixar o Botafogo e atuar fora do Brasil

Só que para isso acontecer será necessário, pelo menos a curto prazo, negociar atleta que estão valorizados no mercado. É o caso do meio-campista Alex Santana. De acordo com o portal ​Lancenet, os diretores botafoguenses já autorizaram os representantes do jogador a buscar propostas de clubes do exterior e já definiram um valor para liberar o atleta de forma definitiva: 3 milhões de euros (R$ 13, 6 milhões na cotação atual).

O jogador até recebeu algumas sondagens de times do Brasil, mas o Fogão prioriza uma negociação para o exterior e acredita que as ofertas devem chegar ainda este mês. O meia, de 24 anos, se tornou peça chave no primeiro semestre de 2019, mas se machucou e só voltou a jogar no final da temporada. Mesmo assim, Alex é considerado peça imprescindível para o time titular de Alberto Valentim.

Ainda de acordo com o portal, se caso o atleta seja realmente vendido pelos valores que o clube carioca deseja, o ​Glorioso terá direito e receber de forma líquida 2,7 milhões de euros (cerca de R$ 12,2 milhões). O meio-campista já sabe da intenção botafoguense e também se empolga para atuar nos gramados do Velho Continente; os empresários do atleta já estão na Europa para buscar um novo clube.

Fonte: 90min

Já segue o Botafogo no Instagram? Faça parte da nossa torcida!