(Foto: Reprodução da Internet)

Defesa volta a brilhar no Palmeiras

Um dos pontos fortes quando Luiz Feipe Scolari estava incontestável no comando do Palmeiras, a defesa quase que impenetrável, volta a dar as caras na equipe comandada por Mano Menezes. Aliás, confia na defesa alviverde? Não perca sua chance utilizando o código promocional 1xbet. Contra o Fortaleza, neste domingo, no Castelão, a equipe alviverde chegou a sua terceira partida consecutiva sem levar gol. Sob comando do novo treinador, apenas um gol sofrido, contra o Goiás, aos 20 minutos do primeiro tempo, marcado por Rafael Vaz, logo na estreia de Mano.

De lá pra cá são quase 400 minutos, mais precisamente 374, sem o goleiro alviverde buscar a bola no fundo das redes.

Retrospecto recente a ser exaltado pelo goleiro Weverton, que ressalta a importância de uma defesa sólida para os desafios do segundo semestre na briga por seguir lutando pelo título do Campeonato Brasileiro.

“Estamos muito felizes. O ponto forte do Palmeiras sempre foi a defesa, desde o ano passado. Estávamos tomando mais gols do que o normal, mas, agora, as coisas voltaram a se encaixar bem, com a defesa se portando muito bem. Precisamos nos preparar bem para nos manter lá na frente, porque o segundo turno tende a ser mais difícil”, declarou.

Agora, após 20 rodadas disputadas, o Palmeiras conta com apenas 14 gols sofridos, com a segunda melhor defesa do Brasileirão, ao lado do São Paulo e atrás apenas do Corinthians, que tem um gol sofrido a menos. Com esse retrospecto, o segundo lugar também é do Verdão no quesito saldo de gols, mas dessa vez atrás apenas do líder Flamengo: 17 do clube paulista contra 25 do carioca.

Desde que assumiu o comando do Verdão, Mano Menezes acumulou quatro vitórias, 2 a 1 diante do Goiás, 3 a 0 contra o Fluminense, 1 a 0 contra o Cruzeiro e o triunfo desde final de semana no Ceará. Triunfos consecutivos que recolocam o alviverde na briga pelo título brasileiro, com 42 pontos, na vice-liderança, atrás apenas do Flamengo, com 45.

O zagueiro Vitor Hugo, presente em cada um desses 374 minutos sem sofrer gol, elogiou o coletivo alviverde ao comentar sobre:

“Isso se deve ao empenho de todos. O time está se entregando, se doando bem, principalmente nos momentos de dificuldade durante o jogo, com cabeça fresca e tranquilidade para defender bem. Graças a Deus, conseguimos segurar os caras. Fico feliz pela vitória. É continuar assim, que as coisas continuem bem”, declarou.

No título brasileiro de 2018, o Palmeiras chegou a ficar sete jogos consecutivos sem sofrer gols, levando apenas 26 em 38 rodadas disputadas.

Novo desafio para a equipe alviverde neta quarta-feira, ao receber o CSA, a partir das 19h15, pela 21ª rodada, em partida a ser disputada no Pacaembu. Depois, a sequência será ainda mais dura para o clube paulista: duelos contra dois adversários diretos e fora de casa: Internacional e Santos, respectivamente no Beira-Rio e Vila Belmiro. Entre esses dois desafios, o clube ainda encara o Atlético/MG, no Allianz Parque.

Últimas