(Foto: Gilvan de Souza / Flamengo)

O impressionante desempenho ofensivo de Trauco

Foram apenas 10 jogos com a camisa do Flamengo em 2018, e a iminente saída do clube. Antes de ser aproveitado por Abel Braga na Florida Cup, Trauco não atuava desde setembro do ano passado, no empate em 0 a 0 contra o Bahia. Em seu primeiro jogo-oficial nesta temporada, porém, o jogador já mostrou a sua principal arma para ganhar espaço no elenco: a eficiência no apoio.

Foi do lateral o belo cruzamento para o golaço de Henrique Dourado, de bicicleta, no empate em 1 a 1 com o Resende, neste domingo. Essa foi a sua 12ª assistência pelo clube em apenas 67 jogos, apenas Diego, com 18, e Éverton Ribeiro, com 15, deram mais passes. Ambos, no entanto, atuaram mais vezes que o peruano: 121 e 100, respectivamente.

QUER SABER MAIS SOBRE O FLAMENGO? CLIQUE AQUI.

Na média, no entanto, os números são favoráveis a Trauco, mesmo atuando como lateral. O jogador vem tendo o aproveitamento de uma assistência a cada 5,6 jogos, enquanto que Diego e Éverton precisam de 6,7 partidas para dar um passe. Do atual elenco, o único que supera - e por pouco - o camisa 13 é Vitinho, responsável por servir seus companheiros uma vez a cada 5,3 atuações.

Se defensivamente Trauco ainda deixa a desejar, apesar do bom desempenho nos duelos individuais - foi o segundo maior ladrão de bolas da partida, com quatro desarmes, segundo o Footstats - ofensivamente o peruano se mostra tão eficiente quanto as referências do meio-campo. E se a ideia do Flamengo é ter um elenco forte e variado, em constante disputa por titularidade, Abel ganhou uma antiga opção neste início de temporada.

TRAUCO PELO FLAMENGO
67 jogos
4 gols
12 assistências
Média de uma assistência a cada 5,6 partidas

Lance

RECEBA NOTÍCIAS DO FLAMENGO DIRETO NO SEU MESSENGER. NÃO PERCA TEMPO! É DE GRAÇA!

Mais sobre - Flamengo