(Foto: Reprodução da Internet)

Grêmio identifica carências e segue buscando reforços para dois setores

Mesmo em vias de estrear oficialmente na temporada, o ​Grêmio ainda não fechou o seu elenco para 2019. Após contratar quatro reforços - o goleiro Júlio César, o volante Rômulo, o meia Walter Montoya e o atacante Felipe Vizeu -, o Tricolor Gaúcho avalia que dois setores ainda precisam ser preenchidos para completar este ciclo de contratações.

​​As carências detectadas pelos dirigentes gremistas são as que o torcedor já conhece: lateral-esquerdo e meia armador. Como lembra o ​Globoesporte, as duas posições movimentaram previamente duas 'novelas' nos bastidores tricolores, mas nenhuma teve final feliz para o clube. Emmanuel Mas, do Boca Jrs, e Thiago Neves, do Cruzeiro, estiveram bem próximos de acertar com a equipe gaúcha, mas acabaram permanecendo em seus respectivos times.

QUER SABER MAIS SOBRE O GRÊMIO? CLIQUE AQUI.

Com Marcelo Hermes deslocado oficialmente para atuar como zagueiro, o Grêmio conta apenas com um lateral-esquerdo no elenco: Bruno Cortez. Para atuar como meia articulador, o clube conta apenas com Luan, sendo esta a posição que mais preocupa Renato. Recém-contratado, Montoya pode 'quebrar um galho' na função, mas prefere cair pelo lado direito.

Quem também estava no radar gremista era Marquinhos Gabriel, mas uma verdadeira reviravolta acabou colocando o clube gaúcho em desvantagem no negócio. De início, o Al-Nasr havia feito jogo duro para liberá-lo antes do encerramento do empréstimo, mas devido à vontade do atleta, acabou cedendo. No entanto, o Corinthians julga mais vantajoso negociá-lo em definitivo, ​proposta apresentada pelo Athletico Paranaense.

90min

RECEBA NOTÍCIAS DO GRÊMIO DIRETO NO SEU MESSENGER. NÃO PERCA TEMPO! É DE GRAÇA!

Mais sobre - Grêmio