(Foto: Reprodução da Internet)

LANCE! Espresso: Dudu já merece ser visto como o maior ídolo de uma era

Assim como aconteceu nas campanhas da Copa do Brasil de 2015 e no Campeonato Brasileiro de 2016, Dudu cresceu nos momentos decisivos e se tornou a grande arma do Palmeiras na luta por mais um título nacional. Entre propostas da China e alguns entreveros com a torcida, Dudu é (ou deveria ser) o maior ídolo do Palmeiras desde a aposentadoria do goleiro Marcos. Basta resgatar o histórico recente: Valdivia foi o retrato de uma época em que o torcedor se apegava a migalhas. Barcos surgiu como a esperança em meio ao caos, mas sucumbiu à sua própria promessa vazia. O fenômeno Gabriel Jesus durou apenas um ano e não conseguiu criar o laço fundamental da idolatria. Ao lado de Dudu, apenas Fernando Prass pode ser colocado neste patamar, mas perdeu a titularidade e o protagonismo nas últimas duas temporadas. Jailson, outro goleiro que perdeu espaço no time, tem uma identificação enorme com a arquibancada, mas também lhe faz falta uma sequência maior. Todos estes elementos sobram em Dudu, que chegou ao Palmeiras em 2015 após uma disputa com Corinthians e São Paulo e logo se tornou símbolo da reconstrução de um time beneficiado pelo novo estádio, por finanças em dia e um gordo patrocínio. Dudu já teve suas gangorras e diversos episódios de imaturidade. Ainda assim, jamais fez corpo mole, costuma a brilhar em jogos cruciais e ganhou uma identidade goleadora, algo que lhe faltava nos tempos de Grêmio - com 54 gols, já é o maior artilheiro do Palmeiras no século, ao lado de Vágner Love. O provável título brasileiro pode até marcar o fim do ciclo do atacante no clube, mas isso só reforçará o seu valor. Nos últimos quatro anos, o Palmeiras recuperou seu status no futebol brasileiro. E toda vez que foi campeão, as bolas precisaram passar pelos pés habilidosos de Dudu.

Conteúdo publicado originalmente no site www.Lance.com.br

QUER SABER MAIS SOBRE O PALMEIRAS? CLIQUE AQUI.

RECEBA NOTÍCIAS DO PALMEIRAS DIRETO NO SEU MESSENGER. NÃO PERCA TEMPO! É DE GRAÇA!

Mais sobre - Palmeiras