(Foto: Lucas Merçon / Fluminense)

Trabalho de Marcelo Oliveira agrada dirigentes do Fluminense

Quando o recesso do Campeonato Brasileiro começou para a disputa da Copa do Mundo da Rússia a torcida do Fluminense e a diretoria sofreram um baque. Considerado o grande responsável pelo clube não entrar em crise e por alguns bons resultados dentro de campo, o técnico Abel Braga decidiu deixar as Laranjeiras. Os atrasos salariais, as perdas de jogadores e a crise política, com o presidente Pedro Abad cada vez mais isolado, pesaram bastante na decisão do treinador.

Os dirigentes pensaram por alguns dias e estudaram as opções de mercado, que não eram muitas. Assim, a aposta foi na experiência de Marcelo Oliveira, que havia levado o Coritiba a duas finais de Copa do Brasil e foi bicampeão brasileiro pelo Cruzeiro em 2013 e em 2014. Porém, o treinador vinha de alguns trabalhos não muito vitoriosos e gerava grande desconfiança entre os torcedores.

QUER SABER MAIS SOBRE O FLUMINENSE? CLIQUE AQUI.

Com o passar do tempo Marcelo Oliveira foi acalmando o ambiente e conseguiu trabalhar a cabeça dos jogadores em uma cenário de quatro meses de direitos de imagem em atraso e um de salário em carteira.

O desempenho em campo pode ser considerado bem positivo para a qualidade do plantel. Com 37 pontos, o Tricolor ainda luta contra o rebaixamento no Campeonato Brasileiro, mas está mais próximo da zona que leva para a Copa Libertadores. Na Sul-Americana, o time passou de fase e vai duelar com o Nacional do Uruguai nas quartas de final. Neste cenário, existe a certeza de que Marcelo será mantido, salvo alguma tragédia nesta reta final, para 2019.

Com ele no comando o Fluminense voltará a jogar no domingo, às 16h(de Brasília), contra o Atlético-MG no Estádio Nilton Santos, no Rio de Janeiro (RJ), pela trigésima rodada do Campeonato Brasileiro. O time para este compromisso deverá ser revelado minutos antes do confronto. O treinador tem à disposição o meia Junior Sornoza, que retorna após ficar de fora em dois jogos por estar servindo à seleção equatoriana em amistosos internacionais. Neste sábado pela manhã um treino fecha a preparação para o confronto e depois os atletas entram no período de concentração.

Conteúdo publicado originalmente no site Gazeta Esportiva

RECEBA NOTÍCIAS DO FLUMINENSE DIRETO NO SEU MESSENGER. NÃO PERCA TEMPO! É DE GRAÇA!

Mais sobre - Fluminense