Palmeiras, de elenco farto, tem 'problemão' em duas posições para jogo decisivo

(Foto: Reprodução da Internet)

Na liderança isolada do Campeonato Brasileiro e semifinalista da Libertadores, o Palmeiras tem uma situação delicada para se resolver para a partida contra o Grêmio. O Verdão não poderá contar com Victor Luís, suspenso pelo terceiro cartão amarelo, e Diogo Barbosa, que segue com uma entorse no tornozelo. A solução mais prática seria a entrada do garoto Luan Cândido. Porém, uma das promessas da base alviverde está na Seleção Brasileira sub-20 e não poderá ser relacionado para o duelo no Pacaembu.

Com isso, Felipão deve improvisar alguma opção defensiva no setor, ou mudar o esquema tático do time, apostando em uma formação com três zagueiros. Para a lateral direita a situação também não é das mais simples. Marcos Rocha tem uma lesão na panturrilha e ficará fora dos campos por um mês. Mayke, titular da posição, deve receber uma punição grande do STJD por conta da confusão diante do Cruzeiro, na semifinal da Copa do Brasil, no Mineirão.

QUER SABER MAIS SOBRE O PALMEIRAS? CLIQUE AQUI.

O coringa Jean deve ser utilizado por Felipão para compor o setor. Uma outra solução é apostar em dois zagueiros fixos, com um volante de origem na posição de terceiro zagueiro. Porém, Felipão terá que quebrar a cabeça para montar a equipe que encara o Grêmio. Além dos desfalques citados, o Palmeiras também não poderá contar com os estrangeiros Gustavo Gómez e Miguel Borja. Felipe Melo também está suspenso pelo terceiro cartão amarelo e não pega a Raposa.

O Verdão ocupa a liderança isolada do brasileirão com 56 pontos, cinco a mais do que o Grêmio, que soma 51. Uma vitória diante do Imortal sacramentará mais uma rodada na liderança e um distanciamento ainda maior para um dos concorrentes na briga pelo título.

Conteúdo publicado originalmente no site Fox Sports

RECEBA NOTÍCIAS DO PALMEIRAS DIRETO NO SEU MESSENGER. NÃO PERCA TEMPO! É DE GRAÇA!