Rendimento de jogador importante é debatido nos bastidores do São Paulo

(Foto: Reprodução da Internet)

​Tentando buscar explicações para a queda brusca de desempenho do time no returno do Brasileirão, diretoria e comissão técnica do São Paulo evitam apontar culpados individuais, já que grande parte do elenco não manteve o bom nível apresentado nos dois meses pós-Copa. No entanto, alguns setores do clube não escondem sua frustração direcionada a um pilar específico da equipe, do qual se espera muito: Nenê.

Como noticia o ​UOL Esportes, o meia de 37 anos tem sido o principal "expoente" da derrocada tricolor, e algumas de suas estatísticas evidenciam isso: dos oito gols que anotou no Brasileirão, sete foram marcados nas primeiras 19 rodadas do campeonato, quando a equipe exibia seu melhor futebol.

QUER SABER MAIS SOBRE O SÃO PAULO? CLIQUE AQUI.

A queda de rendimento e produtividade tem gerado grande debate entre diversos setores do clube. Nas arquibancadas e redes sociais, o camisa 10 é um dos mais criticados pelo torcedor são-paulino, e sua titularidade já é debatida. Mas não é só com o torcedor tricolor que a moral de Nenê está baixa: o meia já sofre com as críticas de parte dos conselheiros do clube.

​​Nessa busca por culpados, Diego Aguirre tenta blindar e proteger seus jogadores, dividindo a responsabilidade do mau momento entre todos: "Não vou falar de individualidades, porque seria culpar um ou outro jogador. Estamos juntos e é um problema interno que vamos tentar resolver. Só isso", afirmou o treinador.

Com ou sem Nenê, o Tricolor Paulista precisa reagir imediatamente se quiser seguir sonhando com o título nacional. No próximo domingo (14), encara outro confronto direto, desta vez contra o Internacional no Beira-Rio.

Conteúdo publicado originalmente no site 90min

RECEBA NOTÍCIAS DO SÃO PAULO DIRETO NO SEU MESSENGER. NÃO PERCA TEMPO! É DE GRAÇA!