Jogador do Cruzeiro surpreende ao falar sobre o VAR

(Foto: Reprodução da Internet)

Nas últimas semanas, o ​Cruzeiro esteve no "olho do furacão" em partidas que contaram com o VAR (árbitro de vídeo). Nas quartas da Libertadores contra o Boca Juniors, a equipe mineira se sentiu prejudicada nas duas partidas - tanto em La Bombonera, quanto no Mineirão -, enquanto na Copa do Brasil, contra o Palmeiras, ​foi taxado como "beneficiado" pelo mau uso da tecnologia pelo árbitro Wagner Reway, em lance controverso no Allianz Parque.

Como destaca o ​UOL Esportes, a falta de padrão e transparência no uso da tecnologia geraram grande revolta na Toca da Raposa, indignação manifestada pelas ​fortes falas da diretoria celeste e também do treinador Mano Menezes. Na contramão deles, o volante Henrique, capitão do Cruzeiro, surpreendeu ao falar sobre o tema em tom bem mais moderado e otimista. Para ele, ajustes são fundamentais para tornar o VAR mais justo.

QUER SABER MAIS SOBRE O CRUZEIRO? CLIQUE AQUI.

​​"Toda mudança gera dúvidas, gera esses questionamentos, até a adaptação. É um período de adaptação em momentos decisivos, importantes, mas que irão trazer benefícios. Ainda não está sendo tão justo, mas será mais justo mais para frente e esperamos que dê certo para a melhoria do futebol", afirmou o capitão.

Eliminado da Libertadores, o Cruzeiro terá apenas mais duas partidas (na temporada) que contarão com o árbitro de vídeo: as duas finais da Copa do Brasil contra o Corinthians. Será que desta vez o VAR passará ileso ou será o protagonista de novas polêmicas? Aguardemos.

Conteúdo publicado originalmente no site 90min

RECEBA NOTÍCIAS DO CRUZEIRO DIRETO NO SEU MESSENGER. NÃO PERCA TEMPO! É DE GRAÇA!