Atlético-MG ainda não definiu o futuro de Léo Silva e Thiago Larghi

(Foto: Reprodução da Internet)

O diretor de futebol do Atlético-MG, Alexandre Gallo, disse durante a semana que ia apresentar um planejamento à presidência do clube já pensando em 2019.

O dirigente iniciou um processo de renovação do elenco alvinegro, contratando vários jogadores jovens e com contratos longos, visando uma valorização e possíveis vendas no futuro, garantindo uma segurança financeira com o clube.
Portanto, a formação do elenco do ano que vem está praticamente pronta, com algumas aquisições pontuais para reforçar o time. Após o fim da novela da renovação do volante Adilson, o Galo tem apenas duas pendências: a permanência do capitão Leonardo Silva e do técnico Thiago Larghi.

QUER SABER MAIS SOBRE O ATLÉTICO? CLIQUE AQUI.

A situação do zagueiro está mais encaminhada, pois o clube deseja estender o vínculo pelo menos até o fim de 2019. Já o atual comandante alvinegro tem sua situação indefinida. O resultado final da temporada será determinante para continuar o ou não no clube.

- Não só no futebol, mas em qualquer segmento profissional é importante ter planejamento. Os resultados não acontecem da noite para a o dia. É importante manter uma estrutura e uma base da equipe, até porque a gente vem notando uma evolução da equipe. Passamos por inúmeras mexidas e isso acaba atrasando um pouco o processo de construção de equipe , disse o goleiro Victor.

Além de Larghi e Léo Silva, só Matheus Galdezani e Tomás Andrade não renovaram os contratos e não sabem se ficam ou não no clube em 2019.

Conteúdo publicado originalmente no site Lance

RECEBA NOTÍCIAS DO ATLÉTICO DIRETO NO SEU MESSENGER. NÃO PERCA TEMPO! É DE GRAÇA!