Fogão poupa atletas, mas técnico não abre mão de vitória na Sul-Americana

(Foto: Reprodução da Internet)

​Não tem jogo pelo Campeonato Brasileiro, mas tem pela Copa Sul-Americana. Nesta quinta-feira, a partir das 21h45min, ​Bahia e ​Botafogo se enfrentam, em Salvador, pela rodada de ida das oitavas de final. Pois, ao contrário do que se podia imaginar depois da festa feita ao eliminar o Nacional-PAR na fase anterior, os cariocas decidiram priorizar o Nacional.

Em situação delicada no Brasileirão, uma vez que está a dois pontos da zona de rebaixamento - onde pode entrar no próximo final de semana -, o Fogão irá poupar três jogadores para o duelo de domingo, contra o Vitória. Joel Carli, Moisés e Kieza não enfrentam o Tricolor, bem como Erik, que já esteve em campo na competição continental quando defendia o Atlético-MG. Assim, Gilson, Yago, Bochecha e Aguirre devem iniciar a partida na Fonte Nova.

QUER SABER MAIS SOBRE O BOTAFOGO? CLIQUE AQUI.

Apesar de não contar com força máxima, o técnico Zé Ricardo não se permite pensar em outro resultado que não a vitória.

“A situação do Botafogo não nos dá direito a negociar resultado. A confiança é fundamental para tocarmos o trabalho em frente. As duas equipes chegaram até aqui e estão credenciadas. Espero que possamos fazer um jogo que nos dê condições de passar às quartas de final”, disse o treinador.

Além disso, quem avançar no torneio embolsará US$ 450 mil, quantia que ajudará e muito o Botafogo a colocar em dia os salários atrasados.

Conteúdo publicado originalmente no site 90min

RECEBA NOTÍCIAS DO BOTAFOGO DIRETO NO SEU MESSENGER. NÃO PERCA TEMPO! É DE GRAÇA!