De olho em 2019, Fluminense tenta agilizar renovações contratuais

(Foto: Lucas Merçon / Fluminense)

A vitória de 1 a 0 sobre o Botafogo deixou o Fluminense com 31 pontos, sete a mais que a zona de rebaixamento do Campeonato Brasileiro. Mais longe da área de risco, a diretoria já começa a trabalhar na formação do elenco para a próxima temporada. A falta de recursos é evidente, o que vai dificultar, se nada mudar até dezembro, a busca no mercado de grandes nomes. Portanto, a ordem é tentar manter as peças que interessam, e a conquista de uma vaga na Copa Libertadores ajudaria no aumento de receita.

O plano é iniciar conversas com os jogadores que têm contrato somente até o fim do ano. Desses, apenas o atacante Pablo Dyego já prorrogou seu vínculo e está garantido no plantel para 2019.

QUER SABER MAIS SOBRE O FLUMINENSE? CLIQUE AQUI.

Outro que já iniciou conversas com o diretor de futebol Paulo Angioni é o zagueiro Gum. que tem 32 anos e uma história nas Laranjeiras, onde chegou em 2009. O desejo das duas partes é a renovação e trata-se de um dos casos que parecem mais tranquilos.

Representante do goleiro Júlio César, o empresário e pai do jogador, Darci Afonso Jacobi, também esteve nas Laranjeiras e a conversas ainda estão longe de um acerto. Isso porque há uma diferença entre a pedida salarial do jogador e o desejo do Fluminense, com as duas partes, porém, concordando com dois anos de contrato.

O atacante Marcos Júnior é outro que vem tratando, de forma tímida, da renovação contratual. A situação do jogador preocupa por que ele tem sondagens de fora do país. Recentemente recebeu uma proposta do futebol japonês, mas não aceitou.

O clube ainda negocia com a Fiorentina, da Itália, a renovação de contrato do lateral-direito Gilberto, que também está nos planos. O outro jogador do setor, Léo, está emprestado pelo Flamengo e não deve permanecer, pois o Rubro-Negro tem interesse no atleta.

O goleiro Rodolfo, de boa atuação contra o Botafogo, está emprestado pelo Oeste e o Fluminense deseja investir na compra de 50% dos direitos federativos. Outro arqueiro do elenco, o uruguaio De Amores, que está emprestado pelo Boston Ríver do Uruguai, porém, não parece fazer parte dos planos.

Dentro de campo, o elenco fez uma atividade fechada e nesta quinta-feira volta a trabalhar pela manhã. O próximo compromisso será no domingo, às 16h(de Brasília), diante do Atlético-PR na Arena da Baixada, em Curitiba (PR), pela 25ª rodada do Campeonato Brasileiro.

Conteúdo publicado originalmente no site Gazeta Esportiva

RECEBA NOTÍCIAS DO FLUMINENSE DIRETO NO SEU MESSENGER. NÃO PERCA TEMPO! É DE GRAÇA!