Quatro nomes e duas vagas: exibições recentes do Grêmio geram dúvidas no time

(Foto: Reprodução da Internet)



Já não há mais entre a torcida do Grêmio um consenso absoluto diante das escolhas de Renato Gaúcho. Os recentes tropeços diante do Flamengo na Copa do Brasil e Estudiantes na Libertadores levantaram insatisfações dos torcedores, sobretudo em duas posições principais: lateral-esquerda e centroavante.

A primeira das duas posições tinha um dono absoluto desde 2017: Bruno Cortez. Com lesão muscular logo após a Copa do Mundo, ele deixou o time e deu lugar ao reserva imediato Marcelo Oliveira. No entanto, mesmo recuperado, Cortez ficou no banco na terça-feira e viu de fora Oliveira jogar na derrota por 2×1 para o Estudiantes, na Argentina.

CONTINUA DEPOIS DOS ANÚNCIOS





LEIA MAIS
- Após queda, Grêmio tem confronto de peso para retomar força de 2017
- Grêmio terá força máxima para enfrentar o Corinthians; veja a provável escalação
- Torcedor insinua que elenco do Grêmio levou bronca de Renato, mas recebe resposta de Douglas
- Grêmio pode ter duas alterações para enfrentar o Corinthians


Questionado após a escolha, Renato não demonstrou muita paciência na resposta:

QUER SABER MAIS SOBRE O GRÊMIO? CLIQUE AQUI.

“Marcelo entrou porque quis que ele jogasse. Não são só os dois. Quando recebem oportunidades, eles (jogadores) têm que mostrar. O Cortez está bem. Como o Marcelo está bem”, disse o treinador.

Mesmo sem ter atuado, Cortez conversou com os repórteres após a partida de ida das oitavas da Libertadores e minimizou a “disputa” pela titularidade com Marcelo Oliveira.

VEJA A CLASSIFICAÇÃO ATUALIZADA DO CAMPEONATO BRASILEIRO

“Não tem titular aqui no Grêmio. Eu não sou titular, o Marcelo não é titular. Quem o Renato optar está dando conta do recado. Eu joguei domingo, o Marcelo jogou hoje. Todo mundo está esperando oportunidade, trabalhando muito. O importante é o time vencer”, disse o camisa 12.

No próximo domingo, a partir das 19h, o Grêmio enfrenta o Vitória, na Arena, pelo Brasileirão, com o time reserva. Cortez deve outra vez ser titular. Mas, para a outra quarta-feira, dia 15, há a dúvida sobre o dono da lateral contra o Flamengo, no RJ, na volta das quartas da Copa do Brasil.

Comando do ataque também gera debate

Com apenas três gols desde que chegou ao Grêmio, André já tem a titularidade ameaçada. Em quase todos os jogos, ele tem sido substituído durante as partidas por Jael, que vive fase melhor – que o diga o seu desempenho contra o Flamengo pelo Brasileirão, no sábado passado.

Jael, em coletiva de imprensa nesta semana, também seguiu a mesma linha de Cortez e evitou questionar as escolhas feitas na equipe titular.

“É futebol, as coisas acontecem e quando não acontecem tem a cobrança. Isso é uma escolha do Renato, eu tenho que acatar e trabalhar mais. Eu preciso dar o meu melhor sempre, dentro de campo e nos treinamentos”, minimizou.

Assim como Cortez, Jael deverá pegar o Vitória no domingo.

Conteúdo publicado originalmente no site Torcedores.com

RECEBA NOTÍCIAS DO GRÊMIO DIRETO NO SEU MESSENGER. NÃO PERCA TEMPO! É DE GRAÇA!