Troca polêmica de Cuca não dá certo, e pressão por um "matador" só aumenta

(Foto: Reprodução da Internet)



Enquanto as atenções de boa parte do País estavam voltadas para os jogos da Libertadores, o ​Santos foi ao estádio Presidente Vargas para disputar uma partida do Campeonato Brasileiro. Empatou em 1 a 1 com o Ceará em uma noite na qual uma escolha do técnico Cuca chamou a atenção.

Para a partida em Fortaleza, ele barrou nada menos que Gabigol e colocou Yuri Alberto na equipe titular. Porém, o jovem de 17 anos decepcionou. Não chutou a gol, errou o único cruzamento que tentou, perdeu sete bolas e foi o jogador do Peixe que mais cometeu faltas (quatro) no confronto. Sem contar que deu apenas oito passes e desarmou os adversários em apenas uma oportunidade. Isso no primeiro tempo, pois o treinador resolveu voltar atrás no intervalo e mandou a campo, em sua vaga, o até então titular da posição. “Gabriel não é centroavante fixo. Tentamos com Yuri, que estava um pouco afoito. Por isso voltei com o Gabriel. Estão acontecendo coisas no Santos que não podemos cobrar dos jogadores. O que eu fiz: tentei com o menino, mas não é culpa do Gabigol”, argumentou Cuca.

CONTINUA DEPOIS DOS ANÚNCIOS





LEIA MAIS
- "Vamos trazer Cavani e Suárez"; brinca Cuca sobre declaração de Carlos Sánchez
- Brasileirão 2018 - Santos x Sport: prováveis times, onde assistir, desfalques e palpites
- Com Sasha e gringos, Cuca relaciona 23 atletas; Copete é cortado da lista
- Cuca revela clima no vestiário após eliminação para o Cruzeiro: 'Muito abatidos'


O desempenho do garoto apenas aumenta a pressão pela contratação de um “matador”. O último gol santista marcado por um atacante foi no dia 25 de julho, quando Gabigol garantiu o empate com o Flamengo. Depois disso, foram quatro partidas em branco. Diversos nomes já foram especulados na Vila Belmiro. Jonatan Álvez, que estava no Junior Barranquilla-COL, foi emprestado ao Inter. Já Hernán Barcos parou no Cruzeiro. O clube também foi atrás de Paolo Guerrero, outro que está indo para o Beira-Rio, e Jonas, que está em processo de renovação de contrato com o Benfica. Porém, se assustou com os valores. O argentino Franco Di Santo, do Schalke 04, foi outro citado. O certo é que, por enquanto, é preciso se contentar com o que se tem.

QUER SABER MAIS SOBRE O SANTOS? CLIQUE AQUI.

Conteúdo publicado originalmente no site 90min

RECEBA NOTÍCIAS DO SANTOS DIRETO NO SEU MESSENGER. NÃO PERCA TEMPO! É DE GRAÇA!