Vecchio se mostra incrédulo com luvas "desviadas" em sua contratação

(Foto: Reprodução da Internet)



O mercado do futebol, por vezes, apresenta negociações bem difíceis de compreender. A “caixa preta” é tão escura que, em muitos casos, nem os próprios jogadores sabem o que acontecem quando chegam em determinado clube. É o caso, por exemplo, do argentino Vecchio, contratado pelo ​Santos em 2016 quando não tinha vínculo com nenhuma outra equipe.

Como revelado pelo ​Uol, o Peixe pagou luvas de R$ 5,3 milhões, mas somente R$ 1 milhão chegou ao atleta, e dividido em quatro parcelas. Nem o próprio profissional sabia que sua transferência havia envolvido tanto dinheiro e foi atrás da atual direção para esclarecer o tema. “Se eu tivesse recebido esse dinheiro estaria feliz né?”, argumentou.

CONTINUA DEPOIS DOS ANÚNCIOS





LEIA MAIS
- "Vamos trazer Cavani e Suárez"; brinca Cuca sobre declaração de Carlos Sánchez
- Brasileirão 2018 - Santos x Sport: prováveis times, onde assistir, desfalques e palpites
- Com Sasha e gringos, Cuca relaciona 23 atletas; Copete é cortado da lista
- Cuca revela clima no vestiário após eliminação para o Cruzeiro: 'Muito abatidos'


O empresário Luiz Augusto Carvalho destacou que repassou o dinheiro a Vecchio, ao agente chileno Fernando Felicevich e outros dois envolvidos na transação por meio de sua empresa, a Casa Soccer, que atuou como intermediária por conta de o jogador e seus agentes internacionais não terem pessoa jurídica constituída no Brasil. “O Felipe Melo, por exemplo, recebeu luvas do Palmeiras, mas não significa que todo o dinheiro foi para ele”, destacou Carvalho.

QUER SABER MAIS SOBRE O SANTOS? CLIQUE AQUI.

No Brasil, normalmente as luvas são diluídas ao longo do tempo de contrato e incorporadas aos ganhos mensais do profissional. Por isso, Vecchio, se mostrou chateado com a situação e com a chance perdida de estar recebendo um salário maior. O negócio foi feito pelo ex-presidente Modesto Roma Júnior e causou indignação na atual diretoria em função dos altos valores envolvidos. “O Vecchio foi colocado pelo Dorival (Júnior, ex-técnico do Santos) como salvação da pátria na época. Não me lembro exatamente o valor, mas esses R$ 5,3 milhões devem dar 1 milhão de euros. No mercado internacional do futebol é um valor palatável”, disse o antigo mandatário do Peixe.

Conteúdo publicado originalmente no site 90min

VEJA A CLASSIFICAÇÃO ATUALIZADA DO CAMPEONATO BRASILEIRO

RECEBA NOTÍCIAS DO SANTOS DIRETO NO SEU MESSENGER. NÃO PERCA TEMPO! É DE GRAÇA!