Camisa 9 bomba, e Rodrygo representa grande maioria das vendas no Santos

(Foto: Ivan Storti/Santos FC)



A camisa 9 de Rodrygo foi bem aceita pela torcida. Há uma semana, o atacante foi surpreendido com o número para todas as competições. E, desde então, o atacante representa 80% das vendas nas lojas oficiais do Santos.

Antes da numeração ser oficializada – antes era só na Libertadores -, Rodrygo já vendia metade das camisas no Peixe. Ele é, disparado, quem melhor rende comercialmente no clube.

CONTINUA DEPOIS DOS ANÚNCIOS





LEIA MAIS
- "Vamos trazer Cavani e Suárez"; brinca Cuca sobre declaração de Carlos Sánchez
- Brasileirão 2018 - Santos x Sport: prováveis times, onde assistir, desfalques e palpites
- Com Sasha e gringos, Cuca relaciona 23 atletas; Copete é cortado da lista
- Cuca revela clima no vestiário após eliminação para o Cruzeiro: 'Muito abatidos'


“As camisas 7, 9 e principalmente a 10, por toda a simbologia que representa ao Santos, são sempre as mais vendidas, e isso é potencializado dependendo de quem a veste. No caso do Rodrygo, o fato de ele ter caído nas gracas da torcida e representar esse DNA do clube fez com que as vendas das camisas 9, com o nome dele às costas, aumentasse”, disse Tommy Kamimura, gerente comercial da Meltex Franchising, responsável pela administração das lojas, à Gazeta Esportiva.

QUER SABER MAIS SOBRE O SANTOS? CLIQUE AQUI.

Referência técnica no Santos, Rodrygo foi negociado com o Real Madrid por 54 milhões de euros (R$ 235 mi), mas só será “entregue” em julho de 2019. A joia tem 17 anos e 35 jogos na temporada, com nove gols e três assistências.

Conteúdo publicado originalmente no site Gazeta Esportiva

VEJA A CLASSIFICAÇÃO ATUALIZADA DO CAMPEONATO BRASILEIRO

RECEBA NOTÍCIAS DO SANTOS DIRETO NO SEU MESSENGER. NÃO PERCA TEMPO! É DE GRAÇA!