Alvo de especulação, peça-chave do São Paulo tem futuro incerto no Morumbi

(Foto: Reprodução da Internet)



Contratado em março deste ano, o treinador Diego Aguirre conseguiu, em apenas quatro meses de trabalho, recuperar e revolucionar o futebol do São Paulo. Sob seu comando, a equipe do Morumbi passou de 'frustração' à vice-líder do Brasileiro, consolidando-se como postulante ao título que não vem desde 2008.

Porém, do sucesso surgem os holofotes, e consequentemente, as primeiras 'ameaças'. De acordo com o ​Terra, Aguirre é um dos nomes fortes especulados nos bastidores da Associação Uruguaia de Futebol (AUF), e pode receber, nos próximos dias, um convite formal para assumir o comando da Celeste Olímpica.

CONTINUA DEPOIS DOS ANÚNCIOS





LEIA MAIS
- São Paulo faz treino com 'cuidado especial' antes de enfrentar a Chapecoense
- Liziero tranquiliza após abandonar jogo sentindo dores: "Não foi lesão"
- São Paulo ganha reforço de Rodrigo Caio para a sequência no Brasileirão
- São Paulo desafia tabu contra a Chape: nunca venceu em casa


Com a saída do lendário Óscar Tabárez, logo após o encerramento da Copa do Mundo de 2018, o cargo de treinador ficou vago na Seleção Celeste. Nos bastidores do futebol uruguaio, uma renovação 'estrutural' - com reformulações desde as categorias de base ao comando do selecionado principal - é vista como fundamental.

QUER SABER MAIS SOBRE O SÃO PAULO? CLIQUE AQUI.

Mas, de acordo com as palavras do próprio Aguirre, o torcedor tricolor não precisa ficar preocupado. O uruguaio já afirmou que não planeja deixar o Morumbi antes de seu contrato encerrar, em dezembro. Além disso, a diretoria são-paulina projeta, muito em breve, convidar o comandante para conversar acerca de uma renovação contratual.

Conteúdo publicado originalmente no site 90min

VEJA A CLASSIFICAÇÃO ATUALIZADA DO CAMPEONATO BRASILEIRO

RECEBA NOTÍCIAS DO SÃO PAULO DIRETO NO SEU MESSENGER. NÃO PERCA TEMPO! É DE GRAÇA!