Inter não vê fim de série invicta como problema: "Regularidade"

(Foto: Ricardo Duarte / Inter, DVG)



O Internacional perdeu um jogo após 81 dias, mas não está preocupado além da medida. A derrota para o América-MG encerrou sequência de 10 partidas, porém é vista como ponto de partida para outra fase. A meta do time, a partir de agora, é conseguir recuperar regularidade.

Ao perder por 2 a 1 em Belo Horizonte, o Inter estacionou nos 26 pontos e caiu um lugar na tabela do Brasileiro, justamente para o rival Grêmio nos critérios de desempate.

CONTINUA DEPOIS DOS ANÚNCIOS





LEIA MAIS
- Guerrero não é chamado pela seleção do Peru e poderá encarar o Flamengo pelo Brasileirão
- Inter faz treino fechado e Guerrero fica no vestiário
- Efeito Guerrero gera lucros imediatos e contribui para provável público recorde no Beira-Rio
- Chegada de Guerrero cria alerta entre atacantes em fim de contrato no Inter


"Quantos favoritos estão com dificuldade? Tivemos regularidade grande e é preciso respeitar. O que não se pode é perder em sequência, não se recuperar rápido. Temos que corrigir o que não fizemos bem, mas sabendo que estamos no caminho certo", disse Odair Hellmann.

QUER SABER MAIS SOBRE O INTERNACIONAL? CLIQUE AQUI.

A última derrota havia sido para o Flamengo, no Rio de Janeiro, em 6 de maio. De lá para cá, o Inter venceu seis vezes e empatou outras quatro. Uma regularidade que transformou a campanha e tirou o time do grupo que era apontado como terceiro escalão do campeonato.

"É uma derrota que não queríamos e vocês que estão acompanhando sabem que mesmo com 10 jogos sem perder, não falamos que estava tudo certo. Nenhum time está conseguindo regularidade tão grande, perdemos quase três meses de invencibilidade e temos que retomar essa regularidade", pontuou o treinador.

VEJA A CLASSIFICAÇÃO ATUALIZADA DO CAMPEONATO BRASILEIRO

"Não vai trazer prejuízo, não pode. Esse tipo de dificuldade tem que servir de aprendizado. Temos oportunidade de jogar daqui três dias para voltar a ter uma boa atuação. Sabíamos que não íamos ficar o campeonato todo sem perder", comentou Roberto Melo, vice de futebol.

O Internacional volta a campo no domingo, em Porto Alegre, diante do Botafogo. D'Alessandro, expulso contra o América-MG, está fora. Rodrigo Dourado, por outro lado, volta após cumprir suspensão pelo terceiro cartão amarelo.

Conteúdo publicado originalmente no site UOL Esporte

RECEBA NOTÍCIAS DO INTERNACIONAL DIRETO NO SEU MESSENGER. NÃO PERCA TEMPO! É DE GRAÇA!