Vem mais dinheiro aí? Grêmio simplifica cláusula de bônus por Arthur

(Foto: Reprodução da Internet)

​No ​Grêmio, Arthur já é passado. Mas desde que a opção de compra junto ao Barcelona foi firmada, se sabe que um bom desempenho do atleta com a camisa do clube catalão renderá uma nova e significativa entrada de dinheiro nos cofres tricolores. Agora que o meio-campista já seguiu para a Europa, a torcida é de que algumas metas estipuladas sejam cumpridas. No entanto, ao contrário do projetado, o acordo acabou simplificado.

Baixe o App oficial do FutNet no Google Play Store ou na Apple App Store

CONTINUA DEPOIS DOS ANÚNCIOS





De acordo com o ​Uol, a chamada cláusula de bônus ficará basicamente vinculada a renovações de contrato. Antes, ela era sustentada por algumas outras metas, como número de jogos pelo Barça, convocações para a seleção brasileira e até presença na lista final de candidatos ao prêmio de melhor do mundo da Fifa.

QUER SABER MAIS SOBRE O GRÊMIO? CLIQUE AQUI.

Além dos quase 30 milhões de euros pagos por Arthur, o Grêmio poderá lucrar, até, mais 9 milhões de euros (cerca de R$ 40 milhões). O jogador, de carreira meteórica, surgiu com força no início da temporada passada e logo se firmou como titular absoluto da equipe comandada por Renato Portaluppi, sendo um dos fiadores do meio-campo campeão da Libertadores da América. Inicialmente, a transferência para o Barcelona ocorreria somente em janeiro de 2019. Porém, uma nova tratativa, a pedido dos catalães, fez com que a saída do atleta da Arena fosse antecipada para a atual janela de transferências. Com as saídas de Iniesta e Paulinho, o garoto tem tudo para, logo ali adiante, já ocupar uma vaga no time que tem Messi, Suárez e Philippe Coutinho como principais estrelas.



Conteúdo publicado originalmente no site 90min

VEJA A CLASSIFICAÇÃO ATUALIZADA DO CAMPEONATO BRASILEIRO

RECEBA NOTÍCIAS DO GRÊMIO DIRETO NO SEU MESSENGER. NÃO PERCA TEMPO! É DE GRAÇA!