Mano comenta chance de Cruzeiro recorrer ao mercado para contratar um atacante

(Foto: Reprodução)

O atacante Rafael Sobis foi o único jogador utilizado no comando de ataque do Cruzeiro no amistoso contra o Corinthians, que terminou com vitória dos paulistas por 2 a 0, no Mineirão, na noite de quarta-feira. Os três centroavantes do elenco (Fred, Sassá e Raniel) estão contundidos. Após a derrota, o técnico Mano Menezes comentou as dificuldades do mercado, evitou falar em reforços e disse que vai trabalhar com os jogadores disponíveis.

Baixe o App oficial do FutNet no Google Play Store ou na Apple App Store

CONTINUA DEPOIS DOS ANÚNCIOS





"Todos que procuram jogador no mercado agora têm dificuldades. Muitos de vocês questionam e discutem se são acréscimos. Tem muito jogador assim no mercado. Os outros, que são bastante escassos, custam bastante dinheiro. Todos sabemos das situações da maioria dos clubes no Brasil. Temos que achar o meio termo, achar um jogador que se encaixa no que já temos. Temos que projetar uma composição com os atacantes que já temos e que vão voltar. Nós já estamos fazendo isso. Mas não sou o tipo de técnico que vai para o microfone cobrar a direção, não acho que seja o lugar. Essas coisas são internas, tem que haver o respeito. Eu sei das dificuldades e sei do empenho para resolver essas questões.", disse o treinador.

QUER SABER MAIS SOBRE O CRUZEIRO? CLIQUE AQUI.

Hoje, os três centroavantes da Raposa estão lesionados. Fred está na fisioterapia após passar por cirurgia no joelho. Ele deve voltar em outubro, assim como Sassá, que será operado na tarde desta quinta-feira. Raniel, por sua vez, se recupera de um edema na coxa e pode voltar a ser opção em pouco tempo. O próximo compromisso do Cruzeiro é no dia 16 de julho, às 20h, no Mineirão, pelo jogo de volta das oitavas de final da Copa do Brasil, contra o Atlético-PR. Na ida, o time de Mano Menezes venceu por 2 a 1.



"Vamos tentar resolver o dilema. Está tudo certo. Dentro das expectativas, vai dar tudo certo. Vamos trabalhar. Temos um time de qualidade. Nosso elenco, em todos os momentos que foi exigido, deu resposta positiva. Com esse ou aquele jogador. Se cobra um pouco mais do Sobis, quando tem que jogar como homem mais adiantado. Não é a característica dele, mas não é também a de Griezmann, daquele outro e do outro, que jogam. Tem que resolver o problema. Não adianta ficar chorando, tem que treinar, trabalhar. Se não dá de um jeito, temos que resolver de outro", disse o treinador.

VEJA A CLASSIFICAÇÃO ATUALIZADA DO CAMPEONATO BRASILEIRO

Conteúdo publicado originalmente no site Superesportes



RECEBA NOTÍCIAS DO CRUZEIRO DIRETO NO SEU MESSENGER. NÃO PERCA TEMPO! É DE GRAÇA!