Cruzeiro vê meia e lateral se destacarem em semestre bastante positivo

No balanço geral, é possível dizer que o primeiro semestre de 20189 foi bastante positivo para o ​Cruzeiro. Embora esteja apenas na oitava colocação do Campeonato Brasileiro, conquistou o título estadual, se classificou às oitavas de final da Libertadores (vai pegar o Flamengo) na primeira posição de sua chave e está muito próximo de confirmar vaga às quartas de final da Copa do Brasil (ganhou fora de casa do Atlético-PR no jogo de ida). No total, foram 35 partidas e apenas seis derrotas, com um aproveitamento geral de 69,5%.

Baixe o App oficial do FutNet no Google Play Store ou na Apple App Store

CONTINUA DEPOIS DOS ANÚNCIOS





De todos os jogadores, o meia Robinho foi quem mais entrou em campo (30 vezes), seguido pelo goleiro Fábio (29). No entanto, são outros dois nomes que se destacam em quesitos bastante importantes. Dos 53 gols marcados, Thiago Neves foi responsável por nove, se tornando o artilheiro da equipe mesmo não sendo um atacante de origem - outro meia, De Arrascaeta, aparece em segundo com sete. Por sua vez, o lateral-esquerdo Egídio foi quem mais deu assistências (sete), seguido por Arrascaeta, Rafael Sobis e Robinho, com quatro.

QUER SABER MAIS SOBRE O CRUZEIRO? CLIQUE AQUI.

Conforme levantamento do ​Globoesporte.com, 81,13% dos gols ocorreram de dentro da área. Além disso, 31 bolas pararam na rede do adversário no segundo tempo, e somente 22 na etapa inicial. Do total, 55,77% dos gols ocorreram com a perna direita, 28,85% com a esquerda e 15,38% de cabeça. E é neste ritmo que o Cruzeiro chega forte para a segunda metade da temporada, tendo como prioridade a busca pelo tricampeonato da América. No entanto, a tentativa de alcançar esta meta tão sonhada não significa deixar de lado as demais disputas.



Conteúdo publicado originalmente no site 90min

VEJA A CLASSIFICAÇÃO ATUALIZADA DO CAMPEONATO BRASILEIRO

RECEBA NOTÍCIAS DO CRUZEIRO DIRETO NO SEU MESSENGER. NÃO PERCA TEMPO! É DE GRAÇA!