De olho em reforços, Vasco sonda jogador de clube brasileiro

(Foto: Washington Alves/LightPress/Cruzeiro)

Não precisa nem olhar os jogos para saber. A quantidade de gols sofridos ao longo de 2018 deixa claro que o principal problema do ​Vasco está no sistema defensivo. Por isso, a direção do clube começa a se movimentar no intuito de reforçar o setor para o segundo semestre. E o primeiro nome que surge é o de Digão.

Baixe o App oficial do FutNet no Google Play Store ou na Apple App Store

CONTINUA DEPOIS DOS ANÚNCIOS





O jogador, revelado pelo Fluminense, está no ​Cruzeiro desde o ano passado. Ele assinou por três temporadas após passagem pelo Al-Sharjah, dos Emirados Árabes, mas realizou apenas 15 partidas. Neste ano, por exemplo, entrou em campo somente três vezes, todas elas no Campeonato Mineiro - contra Boa Esporte, URT e Patrocinense. Por isso, a direção pretende conversar com o técnico Mano Menezes para avaliar uma possível liberação.

O coordenador técnico dos cariocas, Paulo César Gusmão, já entrou em contato com a cúpula da Raposa e aguarda um retorno para saber se existe a chance de avançar nas tratativas. No início do ano, Vitória e Sport também manifestaram interesse no defensor. À época, porém, não se cogitou o repasse pois não se sabia das reais condições de Dedé, que agora se mostra totalmente recuperado de uma sequência de lesões e é, sem dúvida alguma, o principal nome da zaga estrelada. Com isso, Digão, passou a ser a quinta opção no elenco, atrás também de Léo, Manoel e Murilo. No Vasco, caso seja contratado, também encontrará uma série de companheiros. Mais precisamente, sete: Breno, Werley, Erazo, Paulão, Ricardo, Miranda e Luiz Gustavo.



Conteúdo publicado originalmente no site 90min

VEJA A CLASSIFICAÇÃO ATUALIZADA DO CAMPEONATO BRASILEIRO