(Foto: Bruno Cantini / Atlético-MG)

Antes de pegar o Ceará, Luan revela que se considera um dos mais táticos do Brasil

Sob o comando do treinador Thiago Larghi, Luan já atuou em algumas posições diferentes: pelo lado direito da linha de três armadores, posição teoricamente natural, jogou também pelo centro e até como segundo volante, um pouco mais atrás. O próprio atleta reconheceu as mudanças, mas revelou um trunfo: segundo ele, trata-se de um dos atletas mais táticos do país.

"Eu às vezes abdico de poder atacar para ajudar na defensiva. No Brasil raramente te reconhecem pelo que você faz taticamente no campo. No futebol brasileiro gosta de um cara ofensivo, que ataque toda hora e faça gol, mas nem sempre é assim. Na equipe tem que ter alguns jogadores que podem ajudar alguns da frente para jogar mais a vontade. Eu me considero um dos jogadores mais táticos do Brasil, dentro das funções que eu faço. Tenho uma mente muito forte para ajudar a minha equipe. Preciso melhorar ofensivamente, mas devagarinho as coisas vão acontecer naturalmente. Estou preparado para fazer todas as funções", disse.

QUER SABER MAIS SOBRE O ATLÉTICO? CLIQUE AQUI.

Na próxima quarta (13), Atlético e Ceará se enfrentam no Independência, às 21h45 (de Brasília), pela 12ª rodada do Campeonato Brasileiro. Será o último jogo das equipes antes da paralisação do torneio para a Copa do Mundo da Rússia.

Conteúdo publicado originalmente no site Esporte Interativo

RECEBA NOTÍCIAS DO ATLÉTICO DIRETO NO SEU MESSENGER. NÃO PERCA TEMPO! É DE GRAÇA!

Mais sobre - Atlético-MG