Grafite revela que em 2016 Dedé pensou em se aposentar do futebol

O momento do zagueiro Dedé é excelente: um dos pilares do Cruzeiro, que possui a melhor defesa do Campeonato Brasileiro, ótimas apresentações em sequência e presença na lista de suplentes de Tite para a Copa do Mundo. No entanto, nem sempre foi assim. Entre 2015 e 2017, o defensor passou por maus bocados, convivendo com seguidos problemas no joelho.

Baixe o App oficial do FutNet no Google Play Store ou na Apple App Store

CONTINUA DEPOIS DOS ANÚNCIOS





Em 2016, ano em que disputou apenas cinco partidas com a camisa da Raposa, a dificuldade de emendar uma sequência de jogos deixou o atleta bastante chateado, momento no qual o defensor chegou a cogitar a aposentadoria do futebol, definitivamente. A revelação foi feita pelo ex-atacante Grafite ao Seleção SporTV.

QUER SABER MAIS SOBRE O CRUZEIRO? CLIQUE AQUI.

"Ficamos conversando muito tempo, e ele estava falando que estava querendo parar. Ele estava parado havia um ano e meio. Ele chegou a ficar quase 3 anos (sem jogar), passando por um momento difícil. E o Cruzeiro vivia um momento difícil, os torcedores cobravam ele na rua", revelou.



No momento, pode-se dizer que Dedé deu a volta por cima. Em 2018, o atleta é titular absoluto e um dos principais jogadores do Cruzeiro de Mano Menezes. Atuou em 20 partidas na temporada, anotando dois gols e permanecendo em campo durante os 90 minutos em todos os jogos. São 1.800 minutos em campo nesta temporada, número que não foi atingido nem se os últimos três anos inteiros da carreira do atleta forem somados.

VEJA A CLASSIFICAÇÃO ATUALIZADA DO CAMPEONATO BRASILEIRO

Conteúdo publicado originalmente no site Esporte Interativo



RECEBA NOTÍCIAS DO CRUZEIRO DIRETO NO SEU MESSENGER. NÃO PERCA TEMPO! É DE GRAÇA!