Publicada em 15/04/2018, às 22:41

Zé Ricardo elogia grupo e diz que time mereceu vitória

(Foto: Paulo Fernandes/Vasco.com.br)

Notícias pelo Messenger

O Vasco conquistou de forma dramática sua primeira vitória no Campeonato Brasileiro de 2018. Jogando em seus domínios contra um Atlético-MG fechado na defesa, o cruz-maltino sofreu um gol logo aos 12 minutos de jogo. Após alguns minutos de abalo com o revés, a equipe do técnico Zé Ricardo buscou insistentemente reverter o resultado, o que acabou acontecendo no final da partida, com gols aos 40 e 53 minutos, este último de pênalti.

CONTINUA DEPOIS DOS ANÚNCIOS





Em sua coletiva após a partida, o comandante vascaíno elogiou bastante o seu grupo, e viu o time merecedor do resultado. “Tenho um grupo maravilhoso. Entendem as dificuldades e os sofrimentos que passamos, como foi a final do Carioca. O mais importante é conseguir colocar o nosso jogo. Temos que contar com a transpiração deles, mas queremos, junto com isso, uma identidade de jogo,” pontou.

“Sinceramente, não é o que a gente espera. Fazer essas reviravoltas no fim da partida. Mas foi merecido. O Atlético teve grande atuação novamente do Victor. Mas a insistência foi compensada. Tivemos o início que queríamos no Brasileiro,” completou Zé Ricardo.



Após estrear bem na competição nacional, o Vasco volta suas atenções para a Libertadores. Na próxima quinta-feira o compromisso será diante do Racing, na Argentina. Com uma derrota na estreia em casa diante do Universidad de Chile, e um empate com o Cruzeiro no Mineirão, o Vasco ocupa a terceira colocação no grupo 5 com apenas um ponto. Argentinos e chilenos lideram com quatro pontos cada.

A partida desta quinta é encarada como decisiva para as pretensões do clube na competição. “Se o Racing vence a gente, está praticamente classificado,” acredita Zé Ricardo, que entende as dificuldades que sua equipe irá enfrentar. “Pressiona bastante, tem dois homens de frente com extrema capacidade de definição, o Centurión e o Lautaro Martínez. Esperamos o estádio lotado e vamos ter que suportar,” concluiu.



Conteúdo publicado originalmente no site Gazeta Esportiva

Mais sobre - Vasco da Gama