Duílio confirma acerto com Zeca e Corinthians aguarda decisão judicial

(Foto: Ivan Storti/Santos FC)



Nesta terça-feira, representantes das oito equipes classificadas para a próxima fase do Campeonato Paulista compareceram à Federação Paulista de Futebol para a realização de um conselho técnico, que definiu as datas e horários dos jogos de ida e volta das quartas de final. No entanto, o principal assunto da entrevista concedida por Duílio Monteiro Alves, diretor de futebol do Corinthians, não esteve relacionado aos confrontos contra o Bragantino, e sim ao provável mais novo reforço do time: o lateral Zeca, ex-Santos, que deve ser anunciado nas próximas horas.

O jogador, que já compareceu ao CT Joaquim Grava para realizar os exames médicos, aguarda apenas a confirmação da decisão judicial relacionada ao imbróglio com o Santos para assinar o contrato. Duílio, porém, assegura que o Timão mantém toda a cautela para oficializar o acerto. “Enquanto não está assinado, não posso dar como contratado. O processo está sendo feito e a gente imagina que nas próximas horas, ou até hoje à noite, a gente já tenha ele contratado”, declarou.

CONTINUA DEPOIS DOS ANÚNCIOS





LEIA MAIS
- "Vamos trazer Cavani e Suárez"; brinca Cuca sobre declaração de Carlos Sánchez
- Brasileirão 2018 - Santos x Sport: prováveis times, onde assistir, desfalques e palpites
- Com Sasha e gringos, Cuca relaciona 23 atletas; Copete é cortado da lista
- Cuca revela clima no vestiário após eliminação para o Cruzeiro: 'Muito abatidos'


A diretoria corintiana iniciou as conversas há mais de 30 dias e, agora, trata do assunto apenas com o atleta e seu empresário. A liminar concedida nesta segunda-feira tornou o jogador livre de seu contrato com o Peixe e apto a assinar com qualquer outro clube, mas o Timão continua no aguardo para confirmar se a mesma não será cassada.

QUER SABER MAIS SOBRE O SANTOS? CLIQUE AQUI.

“O Corinthians se preocupa (com uma possível cassação da liminar). Mas nosso jurídico analisou e nos informou que a chance de isto acontecer é mínima. O clube está se garantindo por meio de contratos e outras maneiras para que, caso isto ocorra, não tenha nenhum tipo de prejuízo”, garantiu o diretor. “A situação jurídica é de responsabilidade integral do atleta e de seu empresário”, completou.

Duílio também confirmou que, junto ao presidente Andrés Sanches, já informou o Santos da negociação, por meio de conversas com o ex-jogador William, que atualmente desempenha o cargo de diretor de futebol do clube praiano. Em contrapartida, revelou que não há qualquer tipo de negociação em troca de Zeca, algo que poderia acontecer em função do interesse santista no meia Marquinhos Gabriel e no atacante Lucca.

VEJA A CLASSIFICAÇÃO ATUALIZADA DO CAMPEONATO BRASILEIRO

Por fim, segundo o dirigente corintiano, a chegada de Zeca não está atrelada a uma possível frustração com o rendimento de Juninho Capixaba, contratado no início desta temporada. Trata-se de uma necessidade do time em se reforçar da melhor forma possível. “O Corinthians tem que se reforçar. O Juninho é um grande jogador, de 23 anos, como é o caso do Zeca, e também joga nas duas laterais. Mas temos que contratar em cima de boas oportunidades e grandes jogadores que estejam no mercado”, finalizou.

Conteúdo publicado originalmente no site Gazeta Esportiva

RECEBA NOTÍCIAS DO SANTOS DIRETO NO SEU MESSENGER. NÃO PERCA TEMPO! É DE GRAÇA!