Publicada em 07/02/2018, às 19:46

Mattos diz que só trará zagueiro se for para 'chegar e jogar'

Diretor de futebol do Palmeiras admite que paraguaio do Milan foi oferecido, mas avisa que as conversas não avançaram. Ele diz que está contente com os zagueiros do elenco

(Foto: Cesar Greco/Palmeiras)

CLIQUE AQUI e receba notícias do Palmeiras direto no seu Messenger.

Alexandre Mattos, diretor de futebol do Palmeiras, diz que está atento ao mercado de zagueiros após a saída de Yerry Mina para o Barcelona, mas avisa que só trará um reforço para a posição se for para "colocar a camisa e sair jogando".

CONTINUA DEPOIS DOS ANÚNCIOS





- Se o Palmeiras for buscar alguma situação, tem que ser diferente, para colocar a camisa e sair jogando. Até o momento estamos confiantes com o que temos aqui. O único jogador que o Palmeiras procurou foi o Gil (ex-Corinthians e hoje no Shandong Luneng, da China). Eu liguei para o empresário dele e a resposta foi negativa para esse ano. Não enxergamos ainda nenhum jogador que a gente tenha condição de fazer. E falo em condição porque eu queria o Piqué, mas o Piqué eu não vou conseguir - disse o dirigente, à ESPN Brasil.

Além de Gil, houve conversas pelo paraguaio Gustavo Gómez, que joga no Milan. Mattos diz que o atleta foi oferecido por seu empresário, mas o negócio só sairia se o Palmeiras fosse comprá-lo.

- O empresário ligou, perguntou se havia interesse. Eu perguntei qual era a situação. Tinha que ser venda. Isso tem 20 dias, não teve mais nada.

Mattos negou de forma veemente que Balbuena, do Corinthians, tenha sido procurado pelo Palmeiras. O zagueiro paraguaio tem contrato até o fim do ano e negocia renovação, mas ainda não chegou a acordo.

- O Palmeiras não procurou, não procurará, e nem o empresário procurou o Palmeiras. Não teve nenhum tipo de conversa do Palmeiras com qualquer pessoa relacionada ao Balbuena. Não sei se ele está querendo renovar, se está querendo sair, se tem proposta de outro clube. Do Palmeiras, eu afirmo que não teve e nem terá. É muito claro que estão querendo dar uma valorizada, para aumentar salário, renovar ou até sair, não sei - explicou Mattos.

- Se eu falar que eu fechei (o elenco), todo mundo vai rir. O Mina saiu. A partir do momento que sai um jogador, o Palmeiras tem por obrigação olhar a sua base, e temos o Pedrão treinando muito bem, e alguma oportunidade de mercado que supra aquilo ali. Até o momento, não - finalizou.

Neste momento, os titulares da posição são Antônio Carlos e Thiago Martins. As outras opções do elenco são Edu Dracena, Juninho, Luan, Emerson Santos e Pedrão.

Conteúdo publicado originalmente no site Lance!

Publicada em 23/02/2018, às 18:23

Roger indica escalação do Palmeiras sem surpresas no Dérbi; veja o time

Técnico orientou um trabalho de bolas paradas com Michel Bastos na lateral esquerda, Willian e Borja no ataque. Gustavo Scarpa continua como opção para o decorrer do jogo

Roger corrige posicionamento durante treino na Academia de Futebol (Foto: Cesar Greco)

CLIQUE AQUI e receba notícias do Palmeiras direto no seu Messenger.

O Palmeiras está definido para o Dérbi de sábado sem surpresas. Nesta sexta-feira, Roger Machado comandou o último treino antes do clássico contra o Corinthians, em Itaquera, e confirmou a escalação. Michel Bastos será o lateral-esquerdo, enquanto Borja volta à equipe na vaga de Guerra.



A escalação no confronto da nona rodada do Campeonato Paulista terá: Jailson; Marcos Rocha, Antônio Carlos, Thiago Martins e Michel Bastos; Felipe Melo; Willian, Lucas Lima, Tchê Tchê e Dudu; Borja. Sem o goleiro, Roger selecionou os atletas de linha para treinar bolas paradas defensivas nesta tarde. Após este trabalho, houve uma atividade técnica, com titulares e reservas misturados.

Papagaio, atacante do sub-20, fez um trabalho físico à parte no gramado, assim como Diogo Barbosa, que está em transição entre a parte física e técnica. Edu Dracena e Moisés não serão relacionados para o Dérbi, mas participaram das atividades sem limitações.

Jean, Artur e Deyverson não vieram a campo, pois seguem em tratamento após cirurgias na parte interna.



Com 20 pontos depois de oito rodadas, o Verdão lidera o grupo C e é o líder da classificação geral, que tem influencia no mando de campo no mata-mata. A equipe de Roger Machado é a única invicta no Estadual - seis vitórias e dois empates.

Conteúdo publicado originalmente no site Lance!