Publicada em 05/02/2018, às 13:19

Força e qualidade no passe: o que o Santos pode esperar de Calabres no profissional

Destaque do Peixe na Copinha se apresenta ao elenco de Jair Ventura nesta segunda-feira

Gabriel Calabres se apresenta no profissional nesta segunda-feira (Foto: Foto: Pedro Azevedo/Santos FC)

CLIQUE AQUI e receba notícias do Santos direto no seu Messenger.

Os portões do CT Rei Pelé estarão fechados, mas o Santos terá ao menos uma novidade no treino desta segunda-feira. Após se destacar pelo Peixe na Copinha, o meia Gabriel Calabres se apresenta ao elenco profissional após um período de descanso.

CONTINUA DEPOIS DOS ANÚNCIOS





A posição de Calabres, hoje, é uma das principais carências do elenco santista. Por conta disso, o jovem de 19 anos foi chamado pelo técnico Jair Ventura, que adora trabalhar com as categorias de base, para intergrar o time principal. No momento, Renato e Vecchio são os titulares.

Vale lembrar, porém, que o Peixe segue em busca de reforços para o setor: Lucas Zelarayán, do Tigres, e Marquinhos Gabriel, do Corinthians, estão na mira.

Mas o que o torcedor santista pode esperar de Gabriel Calabres no profissional?

Para começar: Calabres não será a solução dos problemas no meio-campo do Santos. Dito isso, é importante dizer que a promoção do meia é merecida, muito por conta de seu desempenho na Copinha. Em sete jogos disputados, foram cinco assistências e três gols.

Calabres foi o principal armador de jogadas do Peixe na Copa SP e chamou a atenção por sua qualidade nos passes e força física para ganhar as divididas.

Se mantiver o nível e não sentir a pressão, pode ser uma peça interessante para Jair Ventura. Fora Vecchio e Renato, o treinador conta com Jean Mota, Léo Cittadini e Lucas Lourenço no Paulistão. Vitor Bueno está em fase final de transição de lesão.

Como é nascido em 1998, o meia pode ser inscrito no Campeonato Paulista, na lista de atletas de base (na nota regra da FPF, os clubes podem inscrever jogadores nascidos até 1997 de forma ilimitada).

O próximo jogo do Santos pelo Paulistão será no sábado, contra a Ferroviária, em Araraquara.

Conteúdo publicado originalmente no site GloboEsporte

Publicada em 23/02/2018, às 14:16

Santos economiza R$ 2 milhões com “choque de gestão”, diz presidente

(Foto: Pedro Ernesto Guerra Azevedo/SantosFC)

CLIQUE AQUI e receba notícias do Santos direto no seu Messenger.

O presidente José Carlos Peres afirma que o Santos economiza R$ 2 milhões por mês com o choque de gestão implantado nas primeiras semanas de gestão, iniciada oficialmente em janeiro.



“Estamos com dois milhões de reais de economia por mês. Estamos reorganizando o clube através de uma empresa (de auditoria). Ela estará capacitando todos os funcionários no Santos. A última gestão teve balanços reprovados. Houve uma mudança no clube, sejam boas ou não as formas que somos obrigados a trabalhar, poderemos propor alguma mudança no estatuto no futuro. Não vão ter coisas ruins no clube. Pretendemos ter boas notícias. Vamos caminhar o clube à dívida zero. Não vamos fugir de nossa política”, disse o presidente, em entrevista coletiva nesta sexta-feira, na Vila Belmiro.

Peres assume as negociações do Santos após a demissão do executivo de futebol Gustavo Vieira. É ele quem comandará as tratativas por reforços.

“Eu estou dando sequência. Ele (Gustavo) me passou o que estava fazendo e estamos trabalhando nesse sentido. Não terceirizamos. O novo diretor deve chegar, mas não temos pressa. Falei com Jair e William (Machado), a conversa foi produtiva, e passei sobre a tranquilidade do clube. Não houve barulho, isso é maturidade. Seguimos dessa forma, sem pressa. Estarei próximo do futebol nesse período, trabalhando com eles e vamos atrás de reforços”, explicou Peres.



O gerente William Machado fica à frente do departamento de futebol por enquanto. O Santos tem interesse no retorno de Sergio Dimas, hoje diretor do Red Bull Brasil.

Conteúdo publicado originalmente no site Gazeta Esportiva