Publicada em 02/02/2018, às 18:58

Sem acordo com japoneses, Rony voltará ao país; Bota tem que receber R$ 1 milhão

Albirex Niigata aumenta pedida pelo atacante e situação fica inviável para a equipe carioca, que terá que receber o valor restante pela venda de Bruno Silva ao Cruzeiro

Rony foi apresentado como jogador do Botafogo (Foto: Site Oficial do Botafogo)

CLIQUE AQUI e receba notícias do Botafogo direto no seu Messenger.

Antes dado como certo, Rony está cada vez mais distante do Botafogo. Depois de muitas negociações com o Albirex Niigata, o Alvinegro já não se mostra tão otimista e praticamente descarta a contratação do atacante, que volta para o Japão na semana que vem.

CONTINUA DEPOIS DOS ANÚNCIOS





Incluído pelo Cruzeiro como parte do pagamento pela compra dos direitos econômicos de Bruno Silva, o atacante chegou a ser anunciado e no último dia 11 e treinou com os jogadores do Botafogo no campo anexo do Estádio Nilton Santos. Porém, a história acabou tendo um rumo diferente.

Em dezembro de 2016, o Albirex Niigata pagou R$ 4 milhões ao Cruzeiro pelo empréstimo de um ano, mas havia uma cláusula que previa renovação por mais três temporadas. Ao ver Rony com a camisa do Botafogo, os japoneses notificaram o time mineiro cobrando a devolução do atleta ou o pagamento de uma multa de U$ 10 milhões (aproximadamente R$ 32 milhões).

O atacante, de 22 anos, foi a São Paulo e teve uma reunião com seu representante e os do Albirex Niigata. No encontro, ele demonstrou a sua vontade de ficar no Brasil e defender o Botafogo, mas para isso precisa de um acerto financeiro. O clube japonês informou que aceita liberar o jogador em definitivo, mas estipulou um preço considerado caro pela diretoria.

No início, pediram US$ 500 mil (cerca de R$ 1,5 milhão) para fechar negócio – curiosamente, o mesmo valor do empréstimo de Aguirre, que ainda negocia. Depois o valor subiu para US$ 1,5 milhão (cerca de R$ 4,8 milhões). O Botafogo ofereceu R$ 1 milhão que falta receber do Cruzeiro pela venda de Bruno Silva. Se realmente o acordo com os japoneses não acontecer, esse valor deverá ser pago pela equipe mineira ao Alvinegro.

Conteúdo publicado originalmente no site GloboEsporte

Publicada em 23/02/2018, às 18:14

Botafogo negocia empréstimo do volante Marcelo, ex-Vitória

Glorioso tenta empréstimo do meio-campista, vinculado ao Maccabi Tel-Aviv, para até o fim desta temporada. Ele já trabalhou com Anderson Barros no clube baiano

Marcelo está na mira do Botafogo para reforçar o meio-campo do time (Foto: Felipe Oliveira/Divulgação/EC Vitória)

CLIQUE AQUI e receba notícias do Botafogo direto no seu Messenger.

Mais um jogador deve estar a caminho do Botafogo. O volante Marcelo, ex-Vitória, pode desembarcar no Rio por empréstimo até o fim deste ano. Atualmente ele defende o Maccabi Tel-Aviv, de Israel.



A informação foi publicada originalmente pela Rádio Tupi, e confirmada pelo LANCE!. O atleta, de 23 anos, trabalhou com o gerente de futebol do Glorioso, Anderson Barros, na época em que os dois estavam no clube baiano.

Ainda há valores em discussão para o negócio ser sacramentado. No Alvinegro, Marcelo disputaria posição com Rodrigo Lindoso, Dudu Cearense, Bochecha e Matheus Fernandes, atualmente lesionado.

Já foram contratados para esta temporada Moisés, Renatinho, Luiz Fernando, Kieza, Leandro Carvalho.



Conteúdo publicado originalmente no site Lance!