Publicada em 02/02/2018, às 12:26

Flamengo e Caixa estão otimistas sobre renovação de contrato de patrocínio

Todos os acordos do banco estatal terminaram em 31 de dezembro de 2017

Mesmo com acordo encerrado, Caixa continua na camisa do Flamengo (Foto: Marcelo Baltar/GloboEsporte.com)

CLIQUE AQUI e receba notícias do Flamengo direto no seu Messenger.

Tanto Flamengo quanto Caixa Econômica Federal tratam como muito provável uma renovação do contrato de patrocínio. O banco estatal estampa sua marca na camisa do clube desde 2013.

CONTINUA DEPOIS DOS ANÚNCIOS





O último contrato, que rendeu R$ 25 milhões em 2017, terminou em 31 de dezembro. Mas as duas partes demonstram otimismo sobre a continuidade da parceria.

No ano passado a Caixa foi o principal patrocinador de uniformes do futebol brasileiro. Foram R$ 144,5 milhões em contratos com 26 clubes. Todos os acordos terminaram no último dia do ano passado e nenhum ainda foi renovado.

Apesar disso, quase todos os clubes que foram patrocinados pela Caixa continuam a exibir a marca do banco em uniformes ou outros espaços – como backdrops e uniformes de treino.

Conteúdo publicado originalmente no site GloboEsporte

Publicada em 23/02/2018, às 18:28

Recurso é negado e Flamengo jogará sem torcida em dois jogos na Liberta

Partidas da fase de grupos contra River Plate, da Argentina, e Independiente Santa Fe, da Colômbia, serão disputadas com portões fechados no Rio de Janeiro

Torcedor não poderá assistir aos dois primeiros jogos do Flamengo na Liberta (Foto: Reginaldo Pimenta / Raw Image)

CLIQUE AQUI e receba notícias do Flamengo direto no seu Messenger.

O departamento jurídico estava confiante em minimizar as punições, mas a Conmebol negou o recurso apresentado pela defesa do Flamengo na quinta, em julgamento realizado na sede da entidade em Luque, no Paraguai, mantendo as penas pelos episódios de violência na final da Sul-Americana de 2017, contra o Independiente-ARG, em dezembro, no Estádio do Maracanã.



Assim, as partidas contra River Plate, da Argentina, e Independiente Santa Fe, da Colômbia, serão disputadas com os portões fechados no Rio de Janeiro. Os jogos acontecerão no dia 28 de fevereiro e 18 de abril, respectivamente.

Além disso, o Clube da Gávea foi penalizado com uma multa de 300 mil dólares, cerca de R$ 970 mil.

Os torcedores do Flamengo só poderão comparecer a uma partida com mando de campo do Rubro-Negro pela Copa Libertadores diante do Emelec, do Equador, válido pela quinta rodada do Grupo 4, no dia 16 de maio.



Conteúdo publicado originalmente no site Lance!