Publicada em 01/02/2018, às 13:03

Sem saber se será titular contra o Santos, Willian diz: "Quem entrar vai dar conta"

Atacante começou entre os 11 em três das quatro partidas do Palmeiras do ano até agora e acredita que elenco aprendeu a lidar com favoritismo

(Foto: Cesar Greco/Palmeiras)

CLIQUE AQUI e receba notícias do Palmeiras direto no seu Messenger.

Nos quatro jogos do Palmeiras até agora no Paulistão, Willian foi titular em três: diante do Santo André, Botafogo-SP e Bragantino. No único que ficou no banco, acabou entrando na partida no segundo tempo, diante do RB Brasil.

CONTINUA DEPOIS DOS ANÚNCIOS





Mesmo estando entre os mais aproveitados, o atacante ainda não sabe se vai estar entre os 11 escolhidos do técnico Roger Machado para o clássico contra o Santos, no domingo, na arena alviverde. O jogador diz que não sabe se o mistério ajuda ou atrapalha, mas garante que todo o elenco está pronto para a partida.

- Às vezes é bom, às vezes é ruim. O importante é a gente estar preparado. A gente sabe que tem um grupo com muitos atletas de qualidade. Tenho certeza de que quem for escolhido vai entrar e vai dar conta do recado. Quem estiver no banco também vai estar pronto para entrar e ajudar - disse o atacante.

O Palmeiras ainda está com 100% de aproveitamento em 2018, e Willian espera que, diante do Peixe, o Alviverde volte a fazer uma boa apresentação. No entanto, acredita que o clássico ainda não seja decisivo para o ano.

- A gente sabe que clássico é clássico, é um campeonato à parte. Mas também não se decide nada. Nosso objetivo é entrar em campo, fazer um grande jogo, dar sequência a esses bons jogos que a gente está tendo, para poder vencer.

No Palmeiras desde o início de 2017, Willian acredita que o elenco aprendeu a lidar com o favoritismo alviverde, depois de grandes investimentos nos últimos anos. Para esta temporada, o clube contratou os meias Lucas Lima e Gustavo Scarpa, os laterais Diogo Barbosa e Marcos Rocha, o goleiro Weverton e o zagueiro Emerson Santos.

- A gente aprendeu com isso. No ano passado, não lembro de nenhum atleta ter exposto isso, vinha mais da parte da imprensa. A gente tem consciência de que tem realmente um grupo muito bom, como outros clubes do Brasil estão formando um grupo competitivo, com jogadores de qualidade. Domingo é mais uma prova, para que possamos demonstrar a força do grupo e conseguir a vitória - afirmou Willian.

Conteúdo publicado originalmente no site Sportv

Publicada em 22/02/2018, às 21:55

Roger Machado treina equipe sem mudanças