Publicada em 31/01/2018, às 12:28

Uma, duas... 200 vezes Martin Silva: goleiro atinge marca histórica no Vasco

Goleiro uruguaio virou ídolo de boa parte da torcida desde que chegou ao clube carioca

(Foto: Carlos Gregório Jr/Vasco)

CLIQUE AQUI e receba notícias do Vasco direto no seu Messenger.

O goleiro Martin Silva completa 200 jogos pelo Vasco justamente na estreia da equipe nesta Libertadores, nesta quarta-feira, contra a Universidad Concepción, no Chile. O paredão de 34 anos foi contratado pelo clube carioca em dezembro de 2013 e, atualmente, é um dos líderes do elenco. Apesar da marca expressiva, o uruguaio evita se vangloriar pelo feito.

CONTINUA DEPOIS DOS ANÚNCIOS





- Isso fica em segundo plano um pouco porque temos uma partida muito importante. Mas obviamente que, depois do jogo, fica uma linda recordação - disse o goleiro.

Martin espera que o Vasco atue de maneira inteligente para sair com um bom resultado da casa do adversário.

- Sou otimista, claro. Lutamos muito para conseguirmos esta vaga na Libertadores, agora temos que desfrutar, aproveitar para chegar o mais longe possível, temos que ir passo a passo. Será um jogo difícil. Vamos enfrentar um time que vai usar o fator de jogar em casa. Temos que estar concentrados, sermos inteligentes no jogo para levar um bom resultado para São Januário e, assim, jogarmos mais tranquilos - disse.

Martin Silva conquistou dois títulos pelo Vasco: os Cariocas de 2015 e 2016. Agora, ele busca um troféu de maior peso.

Conteúdo publicado originalmente no site Lance!

Publicada em 23/02/2018, às 13:47

Zé Ricardo recebe proposta tentadora do Al-Ahli e pode deixar o Vasco

CLIQUE AQUI e receba notícias do Vasco direto no seu Messenger.

O técnico Zé Ricardo pode deixar o Vasco. O comandante recebeu uma proposta tentadora do Al-Ahli, dos Emirados Árabes, e terá uma conversa definitiva com a diretoria. Os valores estão muito acima do que o Cruzmaltino pode pagar.



O contrato seria de R$ 23 milhões por três anos. No Vasco, o treinador recebe salário de cerca de R$ 170 mil, consideravelmente inferior ao que foi oferecido pelo Ah-Ahli.

A conversa é para um aumento salarial e ampliação do vínculo até dezembro de 2019. Zé Ricardo, desta forma, passaria a receber vencimentos na casa de R$ 250 mil, ainda bem abaixo do que os árabes acenam.

O Vasco mostrará ao profissional a sua importância no processo de reestruturação do futebol do clube e afirmará que a continuidade em São Januário é fundamental para o projeto idealizado pela nova direção.



Conteúdo publicado originalmente no site UOL Esporte