Publicada em 31/01/2018, às 23:23

Pottker mostra desconforto com pedidos por Nico: "Carinho por quem vem de fora"

Atacante fala de carinho especial da torcida por gringos e conta ter rechaçado propostas para deixar o Inter

William Pottker marcou o gol do Inter no Paraná (Foto: Ricardo Duarte/Internacional/Divulgação)

CLIQUE AQUI e receba notícias do Internacional direto no seu Messenger.

Autor do gol colorado nesta quarta-feira, William Pottker foi um dos raros pontos positivos do empate em 1 a 1 do Inter com o Boavista, em Cascavel, que garantiu a vaga na segunda fase da Copa do Brasil. Mas o atacante não escapou de ser protagonista de uma polêmica relacionada com o comportamento dos colorados, maioria maciça no Estádio Olímpico Regional, no Oeste paranaense. Em entrevista, o jogador chegou a dizer que optou por ficar no clube após receber propostas, mas que não descarta deixar o Colorado em caso de uma nova oferta vantajosa.

CONTINUA DEPOIS DOS ANÚNCIOS





Explica-se. Durante a partida, a torcida pediu insistentemente a Odair Hellmann o ingresso de Nico López em campo – o uruguaio foi reserva nesta quarta-feira. Após a partida, Pottker negou que tenha se incomodado com os gritos de "Nico", mas afirmou que os torcedores têm carinho especial pelos estrangeiros.

– Me dedico bastante, assim como meus companheiros. Queremos apresentar um bom futebol. A torcida prefere algum jogador, mas sempre procurei dar meu melhor. Não é rejeição. É uma preferência, preferência do Nico. Eles têm um carinho muito grande por quem vem de fora. É muito legal. Coisa que os brasileiros não têm lá fora. Ficamos felizes pelos gringos. Eles têm carinho por quem vem da Argentina, Uruguai. O carinho pelo Nico não me incomoda. Estou tranquilo fazendo meu trabalho e pretendo conquistar coisas boas pelo Inter – afirmou o atacante.

Questionado se pretendia deixar o clube, Pottker foi categórico ao rechaçar esse desejo. Ainda assim, afirmou que irá discutir com a diretoria uma negociação caso chegue uma "coisa boa" de outro clube.

– Vale a pena a gente frisar bem o que eu falei. Às vezes, se diz uma coisa e se entende outra. Eu não estou falando em sair. Minha cabeça está no Inter. Se quisesse sair, já teria saído. Recebi propostas, mas resolvi ficar. Minha vontade é ficar. Se chegar alguma coisa boa, aí discutiremos. Mas eu sempre falei, desde o ano passado, que queria jogar seis meses na Série B e disputar a Série A pelo Inter – disse o jogador.

Classificado, o Inter aguarda o vencedor de Atlético-ES x Remo, em 9 de fevereiro, para conhecer seu adversário na 2ª fase da Copa do Brasil, no próximo dia 21. O Colorado volta a campo já no próximo domingo, para encarar o Brasil de Pelotas, às 17h, no Bento Freitas, pela 5ª rodada do Gauchão.

Conteúdo publicado originalmente no site GloboEsporte

Publicada em 23/02/2018, às 18:36

Inter vai com reservas e Wellington Silva como atração contra o São Luiz

(Foto: Ricardo Duarte / Inter, DVG)

CLIQUE AQUI e receba notícias do Internacional direto no seu Messenger.

O Internacional usará time reserva na próxima rodada do Gauchão. Contra o São Luiz, no domingo, o time será suplente por conta do jogo contra o Cianorte, na próxima quarta-feira, pela Copa do Brasil. Wellington Silva será atração.



Recuperado de uma lesão no púbis, o ex-Fluminense começará como titular pela primeira vez. Até então ele apenas entrou durante as partidas. E pode ter chance na quarta, já que Nico López está suspenso por conta da expulsão diante do Remo.

A opção de usar reservas também leva em conta a longa viagem do Pará ao Rio Grande do Sul após o duelo da última quarta. Portanto, os titulares precisam de descanso.

O provável time do Internacional tem Marcelo Lomba (único titular); Ruan, Rodrigo Moledo, Thales e Uendel; Charles, Gabriel Dias, Juan Alano, Camilo e Wellington Silva; Roger.



Inter e São Luiz jogam no domingo às 17h (de Brasília) no estádio do Vale, em Novo Hamburgo.

Conteúdo publicado originalmente no site UOL Esporte