Publicada em 30/01/2018, às 14:15

Henrique é seguro, Vital cria e Lucca se destaca: Carille observa reservas

Reservas do Corinthians golearam Nacional por 4 a 0 em jogo-treino na manhã desta terça-feira, no CT Joaquim Grava. Principal destaque do Timão foi Lucca, que marcou dois gols

Carille em conversa com os jogadores antes do treino (Foto: Marco Galvão/Fotoarena/Lancepress!)

CLIQUE AQUI e receba notícias do Corinthians direto no seu Messenger.

Apesar da fragilidade do Nacional, décimo colocado da Série A2 do Paulista, a goleada por 4 a 0 do Corinthians no jogo-treino desta terça-feira mostrou que o técnico Fábio Carille tem boas opções no banco de reservas. O maior destaque foi Lucca, autor de dois gols.

CONTINUA DEPOIS DOS ANÚNCIOS





Na zaga, Henrique mostrou segurança mesmo não estando na melhor forma física. Possivelmente ele assumirá a vaga de Pedro Henrique e formará dupla titular ao lado de Balbuena. Aos 31 anos, o defensor deve ficar à disposição para o jogo contra o Novorizontino ou Santo André. No gol, Caique e Filipe praticamente não foram exigidos.

Os laterais Mantuan e Guilherme Romão não comprometeram, mas também quase não tiveram destaques durante o treino. O zagueiro Léo Santos, de 19 anos, foi bem e orientou os companheiros a todo instante, como de costume.

No meio de campo, Renê Júnior fez a função de Gabriel. Ele pode atuar mais adiantado, mas foi testado à frente da zaga. Embora ainda não esteja na melhor forma física, o jogador não comprometeu na marcação e ajudou nas saídas de bola.

Camacho também fez uma partida, com um gol e uma assistência para Lucca, mas quem apareceu ainda mais foi Mateus Vital. Aos 19 anos, ele chamou o jogo, criou, sofreu faltas, deu uma assistência e marcou um gol. Na verdade, seriam duas assistências, mas o juiz não viu o desvio de Danilo após a cobrança de falta.

Pelas pontas, Lucca e Emerson Sheik tiveram boa movimentação e voltaram para ajudar na defesa. Lucca foi o principal jogador corintiano no teste, com dois gols marcados, boas jogadas e bastante entrega. Sheik, por sua vez, teve poucas oportunidades para brilhar no ataque.

Por fim, Danilo foi o escolhido para atuar como 9. Aos 38 anos, ele teve boa participação no começo, marcou o gol que foi dado a Mateus Vital e até voltou para marcar. Caiu de produção na parte final da atividade.

No terceiro tempo, Carille mudou toda a equipe. Atuaram: Maltos, Léo Príncipe, Yago, Carlos e Moisés; Jean; Pedrinho, Fellipe Bastos, Warian e Giovanni Augusto; Carlinhos. Sem criatividade e entrosamento, a equipe quase não levou perigo e passou em branco durante os últimos 30 minutos do jogo-treino.

Enquanto os reservas eram observados por Carille, os titulares do clássico contra o São Paulo receberam Maycon, Marquinhos Gabriel e Júnior Dutra para um trabalho em campo reduzido. Eles sabem que tem bastante jogadores brigando pelas vagas.

Conteúdo publicado originalmente no site Lance!

Publicada em 23/02/2018, às 18:26

Corinthians acerta empréstimo de um ano com Alex Teixeira, ex-Vasco

Atualmente no Jiangsu Suning, da China, atacante é o mais novo reforço do Corinthians para a sequência da temporada

CLIQUE AQUI e receba notícias do Corinthians direto no seu Messenger.






Conteúdo publicado originalmente no site Fox Sports