Publicada em 30/01/2018, às 19:25

Antônio Carlos revela procura do São Paulo antes de renovar com o Verdão

Titular do Palmeiras neste início de temporada, zagueiro ficaria sem contrato no fim de 2017, mas acabou renovando com o Verdão: 'Quero fazer história aqui dentro'

Antônio Carlos durante treino na Academia de Futebol - FOTO: Bruno Ulivieri

CLIQUE AQUI e receba notícias do Palmeiras direto no seu Messenger.

Titular do Palmeiras nos quatro primeiros jogos de 2018, o zagueiro Antônio Carlos poderia estar jogando em um rival. Ele diz que foi procurado pelo São Paulo antes de renovar seu contrato com o Verdão, no fim do ano passado.

CONTINUA DEPOIS DOS ANÚNCIOS





- Teve, sim (sondagem do São Paulo), mas meu pensamento sempre foi continuar no Palmeiras. Desde quando cheguei, falei para minha esposa, meus amigos e até para os meus companheiros que queria fazer história aqui dentro. Quando o Alexandre (Mattos) me ligou, eu fiquei muito, muito feliz. Falei para ele: "Obrigado e agora é minha hora" - disse o jovem de 24 anos, revelado por um outro rival, o Corinthians.

A permanência de Antônio Carlos no Palmeiras era considerada improvável. Ele tinha contrato até 31 de dezembro de 2017 e era a última opção entre os zagueiros, com apenas nove jogos disputados no ano. Sua última partida como titular havia sido em junho, contra o Santos. No fim das contas, o zagueiro não só esticou seu vínculo por mais uma temporada como iniciou 2018 como titular.

- Eu não vou dizer que não me surpreendi, porque com certeza foi uma surpresa. Mas foi fruto de um trabalho construído desde o ano passado. Fui ganhando confiança, fui trabalhando, me dedicando. A cada treino que acabava eu ia lá na academia, me esforçava. Foi a sequência de um trabalho. Voltei com o pensamento de que o foco seria trabalhar, começando jogando ou não - declarou.

Inspiração não falta. Ele tem nome de zagueiro campeão pelo Verdão (Antônio Carlos Zago) e apelido de ídolo (Tonhão).

- Do Zago eu já pesquisei, vi alguns vídeos. O Tonhão já vi algumas vezes também. Acho que é uma mistura dos dois um pouquinho. Um pouquinho da vontade, um pouquinho da técnica. Espero ser ídolo que nem eles e que possa ser feliz como eles foram no Palmeiras.

Às 17h de domingo, provavelmente com Antônio Carlos entre os titulares, o Palmeiras faz seu primeiro clássico do ano, no Allianz Parque, contra o Santos. Se ele começar jogando, será a quinta vez em 2018, igualando o número de toda a temporada passada.

Conteúdo publicado originalmente no site Lance!

Publicada em 09/02/2018, às 10:15

Dudu vê Palmeiras mais forte e destaca trabalho de Roger Machado

Capitão do Verdão comenta bom início da equipe no Paulistão: "Estamos nos adaptando rápido"

Dudu e Roger Machado na Academia de Futebol (Foto: César Greco / Ag. Palmeiras / Divulgação)

CLIQUE AQUI e receba notícias do Palmeiras direto no seu Messenger.

A palavra de capitão tem peso. Para o atacante Dudu, líder do Palmeiras e ídolo da torcida, o início 100% da equipe no Campeonato Paulista é resultado de um bom planejamento da diretoria e da rápida adaptação do grupo ao trabalho da nova comissão técnica.



Além de contratações pontuais, o Verdão abriu 2018 com Roger Machado no comando. Mesmo com pouco tempo, o trabalho do treinador é elogiado na Academia de Futebol.

– Estamos fazendo um trabalho bom, pré-temporada boa. A comissão técnica é nova, e o time está fazendo aquilo que é pedido. Estamos nos adaptando rápido. O Paulistão é o estadual mais difícil do Brasil, e ainda estamos 100%. Sabemos que uma hora podemos perder, mas temos de prolongar isso o mais distante possível – disse o atacante, que vê o elenco atual mais forte em relação ao ano passado:

– Fizemos algumas contratações pontuais, que estávamos precisando, chegaram novos jogadores. O time está sendo montado e treinado por um excelente treinador. Esperamos desenvolver ainda mais o que ele nos passa.
Depois de cinco rodadas, o Palmeiras é o único time do Paulistão com 100% de aproveitamento. Os 15 pontos deixam a equipe alviverde na liderança do Grupo C, sete pontos de vantagem para o vice-líder São Bento - Novorizontino, com sete pontos, e Ferroviária, com cinco pontos, completam a chave.



A sequência positiva, que será testada mais uma vez no próximo sábado, contra o Mirassol, no interior, é destacada por Dudu.

– Pega confiança. Estamos fazendo um bom começo de ano, isso nos deixa muito esperançosos para dar seguimento durante toda a temporada – acrescentou.

Conteúdo publicado originalmente no site GloboEsporte