Publicada em 28/01/2018, às 21:46

Rodrygo brilha de novo, marca no fim e evita revés do Santos no Pacaembu

Como já havia feito contra a Ponte, garoto de 17 anos sai do banco para fazer nos minutos finais. Peixe tem atuação ruim e acaba cobrado pela torcida no 1º jogo no Paca em 2018

(Foto: Jales Valquer/Fotoarena)

CLIQUE AQUI e receba notícias do Santos direto no seu Messenger.

O Santos conheceu seu segundo jogo sem vitória no Campeonato Paulista. Jogando no Pacaembu, o Peixe empatou com o Ituano, em 1 a 1, graças ao gol salvador de Rodrygo já nos minutos finais da partida. A equipe do técnico Jair Ventura não jogou bem e o goleiro Vanderlei, como já tem se tornado habitual, fez boas defesas durante todo o confronto.

CONTINUA DEPOIS DOS ANÚNCIOS





O Ituano saiu na frente, ainda no primeiro tempo, com um belo chute de fora da área do volante Baralhas. A bola desviou em Robson Bambu antes de entrar para o gol e enganou Vanderlei. Em desvantagem no marcador durante quase toda a partida, a equipe da Baixada santista não mostrou organização com a bola nos pés.

No próximo fim de semana, o Peixe visita o invicto Palmeiras no Allianz Parque. O jogo será válido pela quinta rodada do estadual.

O salvador
O atacante Rodrygo entrou no segundo tempo e foi o nome do Peixe no Pacaembu. Veloz, o garoto deu muito trabalho para os defensores rivais e, quase nos acréscimos, mandou a bola para o fundo da rede e salvou a pele da equipe, que teve atuação muito abaixo do esperado.

Abre o olho, Jair!
O Santos não conseguiu ser organizado em campo e apenas não perdeu por uma diferença maior de gols porque o goleiro Vanderlei estava em grande noite. Quase nada funcionou na equipe. Os laterais não apoiaram o ataque, os meias não criaram e os atacantes pouco fizeram na frente.

Golpe de sorte
Mais ligado do que seu adversário desde o apito inicial, o Ituano não deu a mínima que o goleiro do Santos era Vanderlei e arriscou bastante de fora da área. O arqueiro do Peixe já tinha feito algumas boas vezes até o lance do gol de Baralhas. O volante chute de fora da área, a bola desviou em Robson Bambu e Vanderlei nada pôde fazer para evitar o gol.

Lance bizarro
O Santos jogava mal e uma das poucas alternativas da equipe de chegar ao gol adversário. Em um destes lances, a zaga do Ituano afastou mal e a bola sobrou para Matheus Jesus. O jogador a dominou e tentou uma bicicleta. Infelizmente, o volante errou o movimento e acertou o pé na cabeça de Baralhas, que precisou colocar uma touca de natação para continuar jogando.

Primeiro tempo sonolento
Mesmo jogando ao lado de seu torcedor, o Santos demorou muito para se impôr na partida. A primeira finalização da equipe de Jair Ventura na partida aconteceu aos 44 minutos do primeiro tempo, com o colombiano Copete arriscando um forte chute de fora da área.

Conteúdo publicado originalmente no site Lance!

Publicada em 21/02/2018, às 11:38

Santos deve anunciar nesta quarta ex-Corinthians como reforço para a Libertadores

O Santos deve anunciar Dodô como reforço na tarde desta quarta-feira. O lateral-esquerdo chega emprestado pela Sampdoria-ITA até o fim de 2018

(Foto: Ivan Storti/Santos FC)

CLIQUE AQUI e receba notícias do Santos direto no seu Messenger.

O Santos deve anunciar Dodô como reforço na tarde desta quarta-feira. O lateral-esquerdo chega emprestado pela Sampdoria-ITA até o fim de 2018, por R$ 1 milhão pelo contrato e salários de pouco mais de R$ 100 mil por mês, além de bonificações.



A oficialização da contratação afastará especulações sobre a não vinda de Dodô. O GloboEsporte publicou nesta terça-feira (20 de fevereiro) que um funcionário fora do departamento de futebol disse ser contra a chegada do lateral por achá-lo “fraco” e fez o presidente José Carlos Peres recuar. Algo que é negado pela diretoria.

Outro boato era de que Dodô não teria sido aprovado nos exames. O atleta, porém, foi liberado pelo departamento médico no último fim de semana, mas precisará de tempo para se recondicionar fisicamente e tecnicamente.

O ala de 26 anos não faz uma partida oficial desde maio de 2017, em derrota por 7 a 3 para a Lazio. Ele foi titular e acabou substituído no intervalo, já com 5 a 1 no placar. Uma fratura no pulso o afastou dos gramados. Quando recuperado, se viu sem espaço no elenco do técnico Marco Giampaolo. Ele só disputou amistosos nessa temporada.



Antes de chegar no futebol italiano, onde também atuou por Roma e Internazionale, Dodô sofreu com uma grave lesão no joelho esquerdo, com ruptura total dos ligamentos em 2011, quando jogava pelo Bahia. A recuperação foi lenta e o atleta só teve sequência de partidas em 2013.

Por causa desses problemas, Dodô tem apenas 112 jogos na carreira, com três gols e sete assistências, desde que foi promovido ao elenco profissional do Corinthians, em julho de 2009. Conheça mais sobre o atleta.

Conteúdo publicado originalmente no site Fox Sports