Publicada em 25/01/2018, às 18:11

Justiça bloqueia 30% das receitas do Flu, e pagamento por Wendel pode ser afetado

Assim como em 2013 na venda de Wellington Nem, Procuradoria da Fazenda Nacional pede retenção de valores do Tricolor para regularizar o pagamentos de impostos devidos

Wendel com a camisa do Sporting em sua apresentação como reforço do clube (Foto: Divulgação)

CLIQUE AQUI e receba notícias do Fluminense direto no seu Messenger.

Um caso antigo voltou a atormentar o Fluminense. A pedido da Procuradoria da Fazenda Nacional, a Justiça bloqueou as receitas do clube em 30%. A ação, em caráter provisório, visa o pagamento de impostos em atraso, o que já havia acontecido com a retenção de parte da venda de Wellington Nem, em 2013.

CONTINUA DEPOIS DOS ANÚNCIOS





Com a nova decisão, comunicada oficialmente ao Tricolor nesta semana, o pagamento do Sporting por Wendel pode ser afetado - assim como futuras vendas, como a de Henrique Dourado. O clube português acordou depositar os 7,5 milhões de euros (cerca de R$ 29,1 milhões) da negociação até a próxima quarta-feira, data da promessa da direção de regularizar os salários em atraso dos jogadores. Cumprindo o prazo, 30% ficarão retidos.

O Fluminense não se manifesta sobre o caso, que se arrasta desde a gestão de Peter Siemsen. Na ocasião da venda de Nem ao Shakhtar Donetsk, da Ucrânia, por R$ 25 milhões, a Procuradoria conseguiu bloquear receitas para regularizar R$ 31 milhões devidos pelo clube, referentes ao não pagamento de Imposto de Renda e INSS no período 2007-2010. Então, a segunda parcela da negociação do atacante não entrou nos cofres tricolores. Na época, Siemsen classificou a atitude da Procuradoria como "dois pesos e duas medidas".

O problema é que o Tricolor entendeu, na época, por ter aderido à Timemania, programa de regularização fiscal do governo brasileiro, regularizado as pendências. O processo ainda corre na Justiça. Com uma novidade: durante o trâmite da ação, o Tricolor também aderiu ao Profut, outro programa governamental para colocar em dia tributos atrasados.

Há um debate sobre o valor devido. Como a Procuradoria defende não ter recursos boqueados suficientes para quitar a dívida, solicitou nova retenção. E foi acatada pela Justiça no percentual de 30% das receitas do clube. O Tricolor vai recorrer pois o entendimento é de que não pode haver bloqueio enquanto o mérito não for julgado.

Conteúdo publicado originalmente no site GloboEsporte

Publicada em 09/02/2018, às 09:21

Airton pegando ritmo, De Amores discreto nos treinos: como estão os reforços do Flu

Após oito meses parado em razão de cirurgia no tornozelo, volante está próximo de ter condições de jogo. Goleiro uruguaio tem se esforçado nos treinos, mas não a ponto de brigar por titularidade

Volante Airton em treino do Fluminense (Foto: Lucas Merçon)

CLIQUE AQUI e receba notícias do Fluminense direto no seu Messenger.

O Fluminense fez seis contratações para a temporada 2018 até o momento. Os primeiros, Gilberto e Jadson, já vestiram a camisa e, inclusive, são titulares. Airton e De Amores chegaram depois e ainda não estrearam. Enquanto Léo e Rodolfo aguardam trâmites burocráticos para serem anunciados.



A comissão técnica do Tricolor aproveita o período sem jogos para colocar todos os reforços à disposição do treinador Abel Braga. O GloboEsporte.com traz um resumo da situação atual de cada um.

Airton
O volante fez uma preparação especial quando chegou. Tudo porque estava voltando de uma grave lesão - fraturou a fíbula em junho do ano passado quando ainda jogava no Botafogo e precisou ser submetido a cirurgia. Anunciado no meio de janeiro, trabalhou a parte física em separado durante algumas semanas e, no momento, treina normalmente com bola, participando das mesmas atividades de todo o grupo.

Inclusive, participou do jogo-treino contra o Resende, na última terça-feira. Entrou no 2º tempo da vitória por 1 a 0. Tem chances, remotas, de estrear contra o Salgueiro, dia 15/02 pela Copa do Brasil. Como retorna de um período longo de inatividade, a comissão técnica tricolor adota uma postura mais cautelosa e só deve lançar o jogador na Taça Rio, para que o volante pegue mais ritmo antes nos treinos.



De Amores
Guillermo de Amores foi contratado após mobilização da torcida na internet e de cara virou xodó dos tricolores. Porém, o jovem goleiro ainda pode demorar um pouco a ter uma oportunidade no gol tricolor.

O uruguaio de 23 anos está à disposição do técnico Abel Braga - manteve a forma física durante o período que passou no Boston Rivers após se desligar do Liverpool-URU. Foi mais um que participou do jogo-treino contra o Resende. Assim como Airton, entrou no 2º tempo.

Uruguaio Guillermo de Amores, goleiro do Fluminense (Foto: Lucas Merçon / Fluminense)



Entretanto, apesar de estar demonstrando disposição nos treinos, tecnicamente não tem tido performances de chamar a atenção a ponto de brigar com Júlio César por uma vaga de titular. Além disso, ganhará em breve a concorrência de mais um goleiro, Rodolfo.

Rodolfo
E por falar em Rodolfo, o goleiro de 26 anos, que seria titular no Atlético-PR, fez a pré-temporada no Furacão e, por isso, também chegou ao Flu em forma. Já está treinando com o grupo desde quarta-feira. Por questões burocráticas, ainda não foi anunciado oficialmente. Mas assim que for regularizado estará em condições de ser aproveitado por Abel.

Léo
Já o lateral-direito Léo ainda demorará um pouco mais de tempo para ficar à disposição. O jogador de 26 anos, que disputou o último Brasileirão pelo Coritiba, não fez pré-temporada este ano. Ele começou a treinar com o grupo do Flu no fim da semana passada e ainda precisará de mais alguns dias para alcançar a mesma condição do restante do grupo.

Conteúdo publicado originalmente no site GloboEsporte