Publicada em 03/01/2018, às 15:33

Em alta no mercado após proposta do Vasco, Rafinha não garante permanência

Meia celeste tem contrato com o clube celeste até o fim desta temporada

Rafinha desembarcou no fim da manhã desta quarta-feira (Foto: Rodrigo Fonseca)

Em meio a contratação de diversos jogadores, o Cruzeiro vive uma situação importante de saída. O Vasco tentou a contratação de Rafinha, mas, a pedido do técnico Mano Menezes, a diretoria do Cruzeiro recusou a proposta. Entretanto, ao desembarcar no Aeroporto Internacional de Belo Horizonte, nesta quarta-feira, o meia não garantiu permanência no clube celeste.

- Teve a proposta (do Vasco), mas tenho contrato com o Cruzeiro. Tenho mais um ano de contrato. Esperar chegar agora em BH, vou conversar com o Mano e com a diretoria para ver o que pode acontecer.

O GloboEsporte.com apurou que o Vasco tentou a liberação do jogador sem ressarcimento ao Cruzeiro. No contrato de Rafinha há uma cláusula que prevê que o clube mineiro tem que cobrir uma proposta feita por outro clube ou liberar o jogador. A Raposa decidiu manter o meia, atendendo a um pedido de Mano Menezes.



Rafinha afirmou não saber do pedido de permanência feito por Mano, pois estava de férias e estava alheio às negociações.

- Na verdade, eu não estou sabendo. Procurei ficar de fora dessa questão. Claro que muitas coisas as pessoas falam sem ter nada de verdade. Vou me reapresentar e ver o que vai acontecer no decorrer do ano.



Rafinha chegou no meio de 2016 ao Cruzeiro, pelo qual atuou em 76 jogos e marcou cinco gols, além de ter conquistado o pentacampeonato da Copa do Brasil neste ano. O experiente meia já jogou pelo Coritiba, pelo qual conquistou o Campeonato Paranaense por quatro anos seguidos - entre 2010 e 2013 - e foi campeão da série B do Brasileiro, em 2010. Ele tem passagens também por Grêmio, Portuguesa, Paraná, Santo André e Goiás. Fora do Brasil, jogou no Al-Shabab, dos Emirados Árabes.




Conteúdo publicado originalmente no site GloboEsporte