Publicada em 27/12/2017, às 12:01

Flu se mobiliza por recuperação de Léo Percovich e tem alternativa para Copinha

Tricolor desloca funcionário para Juiz de Fora para acompanhar técnico do sub-20 e familiares. Plano de saúde cobre custos médicos. Marcelo Veiga treinará time na Copa SP

Léo Percovich, treinador do sub-20 do Fluminense (Foto: Lucas Merçon/Fluminense FC)

O drama envolvendo Léo Percovich, técnico do Sub-20, e seus familiares tem mobilizado o Fluminense neste fim de 2017. O treinador uruguaio viajava com a esposa e os três filhos quando sofreu um grave acidente no último dia 16, quando ia do Rio de Janeiro para Minas Gerais - o carro despencou de 20 metros de altura de um viaduto.

Léo está na enfermaria do Hospital Albert Sabin, em Juiz de Fora. Segundo a assessoria do hospital, ele deve ter alta em breve, mas a data não foi divulgada. A filha caçula do casal, de 5 anos, e a mais mais velha, de 10 anos, não resistiram aos ferimentos e faleceram. Já o filho de 8 anos deixou o CTI da Santa Casa de Misericórdia nesta terça-feira e foi transferido nesta terça-feira para o Albert Sabin nesta terça-feira onde ficará no mesmo quarto que a mãe. Os dois ainda não têm previsão de alta.

Carro despencou de 20 metros de altura (Foto: Divulgação)





O plano de saúde do clube está cobrindo os custos médicos de Léo e seus familiares. Um funcionário das categorias de base de Xerém foi deslocado para Juiz de Fora, para prestar auxílio, em caso de necessidade. Diretor de saúde do Flu, Michel Simoni mantém contato diário com a equipe médica do hospital onde os pacientes estão internados.

Por causa do grande trauma e do período de recuperação ainda não determinado, Léo Percovich não comandará a equipe sub-20 do Fluminense na Copa São Paulo de Futebol Júnior, que começa no próximo dia 2 de janeiro.



Léo Percovich com jogadores do sub-20 em novembro de 2017 (Foto: Lucas Merçon / Divulgação)






Marcelo Veiga comandará time do Flu na Copinha

Em Xerém, os treinadores do sub-15, do sub-17 e os auxiliares do sub-20 estão treinando os jogadores. Coordenador técnico das categorias de base, Marcelo Veiga comandará a equipe na competição. O clima entre os atletas é de união e solidariedade por Léo. Os jogadores prometeram lutar ainda mais no torneio, para homenagear o comandante.


Léo Percovich é também ex-goleiro do Fluminense. Ele defendeu o Tricolor em 1996 e 1997, e vestiu a camisa de outros clubes brasileiros, como Bangu e Guarani. Fora dos campos, Léo tem passagem pela Premier League como auxiliar técnico e preparador de goleiros no Middlesbrough. Ele também trabalhou na MLS (principal liga de futebol dos Estados Unidos) no Chicago Fire, Toronto FC, Chivas USA e no Colorado Rapids.

Conteúdo publicado originalmente no site GloboEsporte