Publicada em 22/12/2017, às 12:05

Com quase 60 jogadores vinculados, Inter já liberou mais de um time para 2018

Colorado começa a desinchar elenco que teria os 35 remanescentes de 2017 - fora atletas da base - mais 24 emprestados que retornam ao clube no fim do ano

Aylon atuou pelo Goiás em 2017 e será repassado ao América-MG (Foto: agencia)

Com o final do ano e o retorno dos emprestados, o Inter acumularia quase 60 jogadores em seu plantel. Porém, a direção trabalha para desinflar o elenco e encaminhar atletas a outros clubes em 2018. Até o momento, mais de um time inteiro tem o futuro desenhado longe do Beira-Rio. E a lista tende a aumentar.

Conforme consta no site oficial do clube, 35 jogadores encerraram 2017 vestindo a camisa vermelha, sem contar os jovens da base que em algum momento entraram em campo. Com o acréscimo dos 24 que buscaram outros caminhos na temporada, o time de Odair Hellmann teria nada menos que 59 opções.

Aos poucos, no entanto, algumas peças começam a se encaixar em outras alternativas para ganhar rodagem ou mais oportunidade de minutos em campo. O atacante Aylon, por exemplo, voltou do Goiás e já seguiu para o América-MG. Da mesma forma, o zagueiro Eduardo deixou o Atlético-GO e atuará em 2018 pelo Figueirense, assim como deverá acontecer com o meia Gustavo Ferrareis. O goleiro Jacsson retornou do Santa Cruz e será repassado ao CRB.



Reprovados em seu empréstimo ao Inter, o lateral-esquerdo Carlinhos e o atacante Carlos foram devolvidos a São Paulo e Atlético-MG, respectivamente. Já o lateral-esquerdo Alan Ruschel irá continuar na Chapecoense.

Entre os mais jovens, o Inter cedeu atletas em duplas. Depois de visitar o ex-clube em Porto Alegre, o agora técnico Clemer negociou os empréstimos dos meias Alisson Farias e Mossoró ao Brasil de Pelotas. Os laterais Junio (direito) e Kaíke (esquerdo) devem atuar no Sampaio Corrêa, que voltou à Série B. Por fim, o meio-campista Alex Santana e o atacante Diego irão para o Paraná.



- Partindo: Alisson Farias (Brasil-RS), Mossoró (Brasil-RS), Diego (Paraná), Alex Santana (Paraná), Jacsson (CRB), Aylon (América-MG), Eduardo e Gustavo Ferrareis (Figueirense), Carlos (Atlético-MG), Carlinhos (São Paulo), Alan Ruschel (Chapecoense), Junio (Sampaio Corrêa) e Kaíke (Sampaio Corrêa)




- Indefinidos: Anderson, Seijas, Paulão, Anselmo, Alan Costa, Artur, Eduardo Henrique, Fernando Bob, Geferson, Jair, João Afonso, Marquinhos, Mike, Raphinha, Silva, Taiberson, Marquinhos Vilela

Além dos 12 jogadores que deixarão o Beira-Rio, mais uma legião tem futuro ainda indefinido. Os principais casos são os de Paulão, Seijas e Anderson. A tendência é que nenhum do trio permaneça em 2018. Aliás, é possível que somente Andrigo e Marcinho sejam utilizados por Odair a partir do Gauchão.


Estão prestes a sair o atacante Eduardo Sasha, envolvido em uma troca com o Fluminense por Wellington Silva, Léo Ortiz e Anselmo, que podem ir para o Sport caso Rithely seja contratado, e Felipe Gutiérrez, em dificuldade para renovar o empréstimo junto ao Bétis.

Conteúdo publicado originalmente no site GloboEsporte