Publicada em 21/12/2017, às 13:07

"Feliz" com renovação, Renato agradece também aprovação de estátua no Grêmio

Técnico faz breve pronunciamento após acertar permanência para 2018

Renato Gaúcho renovou contrato até o fim de 2018 (Foto: Lucas Uebel / Grêmio / Divulgação)

O dia 20 de dezembro chegou como um presente de Natal e tanto para Renato Gaúcho. O técnico tricolor fechou acordo com a direção e renovou contrato até o fim de 2018 para dar continuidade ao projeto que levou o clube ao penta da Copa do Brasil e tri da Libertadores nos últimos dois anos. Na mesma data, o Conselho Deliberativo aprovou a construção da estátua para o ídolo. Em um breve pronunciamento, ele fez um agradecimento ao clube.


"Fico muito feliz de continuar no Grêmio. Agradeço à diretoria e ao presidente. E também aos conselheiros que aprovaram a minha estátua. Agora vamos pensar em 2018. Temos muito trabalho pela frente e queremos buscar novas conquistas". (Renato Gaúcho)


A permanência de Renato era costurada desde a disputa do Mundial de Clubes, nos Emirados Árabes. O empresário Gerson Oldenburg também viajou ao Oriente Médio e iniciou as tratativas junto à direção nos primeiros dias da estadia tricolor. Mas as conversas tiveram de ser interrompidas para o time focar na semifinal e na final da competição, contra Pachuca e Real Madrid, respectivamente.



Com o retorno da delegação – sem o treinador – a Porto Alegre, as negociações voltaram à mesa na noite de terça-feira. Clube e técnico cederam em alguns pontos, e o anúncio do acerto foi feito no início da noite de quarta.

Mais tarde, foi a vez do Conselho Deliberativo se reunir para deliberar sobre a possibilidade de construção da estátua para o ídolo maior da história do clube. Em poucos segundos, a concessão do monumento foi aprovado por unanimidade. A homenagem a Portaluppi começou como uma brincadeira, após o título da Copa do Brasil de 2016, e passou a ganhar forma com o sucesso do Tricolor neste ano, culminando no título da Libertadores e vice mundial.



Conteúdo publicado originalmente no site GloboEsporte