Publicada em 21/12/2017, às 12:47

Corinthians liga alerta em relação a Balbuena, que tem renovação travada

Postura de empresários preocupa Timão, que ainda não obteve resposta de oferta realizada

Balbuena tem contrato com o Corinthians até o fim do ano que vem (Foto: Daniel Augusto Jr./Ag Corinthians)

Depois de uma desgastante e malsucedida negociação com Pablo, o Corinthians teme enfrentar uma nova novela para renovar o contrato de outro zagueiro, o paraguaio Balbuena, cujo vínculo vai até o fim do ano que vem.

Há mais de dois meses o Timão apresentou uma proposta de mais quatro anos de contrato para o jogador, acompanhada de um aumento salarial. Porém, até o momento não houve resposta dos empresários do atleta, que dizem ter propostas do exterior e seguem adiando um encontro com a diretoria alvinegra.

Era esperado um encontro entre o gerente de futebol do Corinthians, Alessandro Nunes, com os representantes do zagueiro nesta semana, mas ele não ocorreu. A reunião pode ficar para os próximos dias, mas as festas de fim de ano atrapalham as agendas dos envolvidos.



Balbuena tem dois empresários. O paraguaio Renato Bittar, que não agrada aos cartolas do Timão por conta de suas entrevistas e seu modo de negociar, e também o argentino Augusto Paraja, visto como mais realista e coerente nas tratativas.

Bittar declarou recentemente, à mídia paraguaia, que tem três propostas da Europa pelo zagueiro. O Corinthians diz não ter recebido nenhuma delas e suspeita de blefe. No meio deste ano, também foram especuladas diversas ofertas pelo paraguaio, mas a única apresentada ao Timão foi do Genoa, da Itália, com valores considerados baixos.



A diretoria alvinegra sabe que os empresários trabalham em busca de clubes europeus interessados em Balbuena, mas acreditam que é possível mantê-lo para a disputa da Copa Libertadores em 2018. Para isso, os cartolas já falaram diretamente com o jogador e afirmaram que assinar a renovação agora não significa inviabilizar totalmente uma eventual transferência dele. Se uma boa proposta aparecer, o Corinthians promete ter bom senso e analisá-la.




O fato de o paraguaio ainda ter um ano de contrato dá um pouco mais de tranquilidade aos dirigentes corintianos, que costumam adotar tom cauteloso ao falar sobre o assunto.

– A renovação do Balbuena é prioridade nossa. Acho que o Alessandro falou com os empresários dele e marcou uma reunião para a semana que vem – declarou o presidente corintiano, Roberto de Andrade.


Conteúdo publicado originalmente no site GloboEsporte