Publicada em 13/12/2017, às 12:10

Contra o Pachuca, Cortez quebrou seu recorde de desarmes na temporada

Cortez faz boa temporada pelo Grêmio (Foto: Lucas Uebel/Grêmio)

Esquecido até bem pouco tempo no futebol japonês, Bruno Cortez se tornou peça fundamental do Grêmio na campanha vitoriosa na Libertadores deste ano. Contra o Pachuca, na semifinal do Mundial de Clubes, o lateral-esquerdo mais uma vez teve uma grande atuação. E o mais surpreendente: defensivamente.

Veloz, Cortez sempre se destacou pelas arrancadas e jogadas de linha de fundo. Contra o time mexicano, porém, os desarmes e bloqueios foram suas grandes armas no duelo. Em ao menos duas oportunidades, o camisa 12 salvou a equipe gaúcha de sofrer o gol.

Segundo dados do Footstats, o jogador ainda quebrou o seu recorde de desarmes na temporada, com cinco roubos de bola – sua melhor marca era de quatro recuperações de posse, alcançadas em quatro partidas, entre Primeira Liga (Flamengo), Libertadores (Godoy Cruz) e Brasileiro (Fluminense e Corinthians).



CORTEZ CONTRA O PACHUCA-MEX
– Dados do Footstats

0 gols
1 passe para gol
1 assistência para finalização
43 passes certos
6 passes errados
1 lançamento certo
0 lançamentos errados
0 finalizações
0 dribles
0 cruzamentos certos
2 cruzamentos errados
5 desarmes
1 bloqueio de chute
6 rebatidas defensivas



Conteúdo publicado originalmente no site Lance!