Publicada em 13/12/2017, às 21:43

Auxiliar de Renato diz que Grêmio tem chances de surpreender o Real Madrid

Alexandre Mendes acompanhou a vitória do time merengue sobre o Al Jazira, de virada, que definiu o adversário da equipe gaúcha na decisão

Auxiliar de Renato, Alexandre Mendes acompanhou rival na final (Foto: Lucas Uebel / Grêmio, DVG)

O Real Madrid tomou sustos, mas confirmou o favoritismo, venceu o Al Jazira de virada por 2 a 1 nesta quarta e será o adversário do Grêmio na final do Mundial de Clubes. O resultado foi como previsto para o time gaúcho. O que não era esperado foram as dificuldades encontradas pelo time espanhol para bater a ingênua equipe da casa. O que dá esperanças para a decisão de sábado.

O auxiliar de Renato, Alexandre Mendes, foi até o Zayed Sports City, em Abu Dhabi, ver de perto o rival na decisão. Ao final da partida, elogiou a grande força ofensiva do time de Zidane, além, é claro, das individualidades da equipe que conta com nomes como Cristiano Ronaldo. Mas também viu alguns erros que podem ser explorados pelo Grêmio.

– A partir do que nós vimos hoje aqui, temos condição de enfrentar o Real Madrid da forma como nós viemos jogando o ano inteiro. Com um pressão alta, de repente, evidenciando um contra-ataque veloz, acho que a gente tem chance de surpreender sim – afirmou o auxiliar.



Após perder muitos gols no início do jogo e transformar o goleiro Ali Khaseif em herói, o Real foi surpreendido por um gol de Romarinho no contra-ataque no primeiro tempo. No segundo, o Al Jazira poderia ter ampliado em outro contragolpe, com Boussoufa, mas o gol foi anulado por impedimento do atacante, que se adiantou antes do passe.

Depois disso, o Real contou com seus craques para resolver um jogo complicado. Cristiano Ronaldo deixou tudo igual em chute cruzado, aos 7 minutos. O time ainda acertou a trave duas vezes, com Benzema, em um jogo de ataque contra defesa. Já perto do fim, o francês deu lugar a Bale, que no primeiro toque na bola decretou a virada e a classificação para a final.



Grêmio e Real Madrid se enfrentam às 15h (de Brasília) deste sábado, em Abu Dhabi, na decisão do Mundial de Clubes. Os espanhóis buscam o terceiro título da competição (2014 e 2016) e o sexto mundial, contando as conquistas do Mundial Interclubes (1960, 1998 e 2002). Campeão no antigo formato da disputa, em 1983, o time gaúcho busca o bi mundial.




Conteúdo publicado originalmente no site GloboEsporte