Publicada em 11/12/2017, às 17:56

Acertado com clube chinês, Paulo Bento ainda tem parcelas a receber do Cruzeiro

Clube mineiro explica que tem obrigação de pagamento até o final deste ano, mas que negocia com o treinador como parcelas atrasadas serão pagas

Paulo Bento trabalhou no Cruzeiro em 2016 (Foto: Washington Alves/Light Press)

Acertado com o Chongqing Lifan, da China, nesta segunda-feira, o técnico português Paulo Bento ainda tem parcelas a receber do Cruzeiro, fruto do contrato assinado com o clube mineiro em 2016 e desfeito em pouco menos de três meses. Em contato com o GloboEsporte.com, o clube mineiro, por meio do supervisor de futebol, Benecy Queiroz, admitiu atraso, mas disse que está negociando com o trenador português.

- Somos devedores do Paulo, estamos atrasados com algumas parcelas. Estamos acertando isso com ele, as parcelas atrasadas. Na época que (as parcelas) venceram, ele tinha direito porque não estava acertado com nenhuma equipe. Não tem parcelas mais a vencer para frente com o Paulo Bento. As parcelas a vencer são até dezembro.

Paulo Bento comandou o Cruzeiro em 17 jogos, 15 pelo Brasileirão e dois pela Copa do Brasil. Sob seu comando, o time conseguiu seis vitórias, três empates e oito derrotas, aproveitamento de 41,17% dos pontos. Ele substituiu Deivid, mas não teve sucesso.



A multa rescisória foi parcelada até o final deste ano. Mas, durante os sete meses em que Paulo Bento treinou no Olympiakos, da Grécia, o Cruzeiro pagou apenas 30% do valor ao treinador, em acordo com Bento. Com o fim do acordo em março deste ano, o clube teve de voltar a pagar os salários do treinador.

Aos 48 anos, Paulo Bento teve como maior destaque seu trabalho no comando do Sporting, pela qual ficou entre 2005 e 2009. Suas maiores conquistas pelo time de Lisboa foram duas edições da Taça de Portugal, em 2006/07 e 2007/08. Pela seleção portuguesa, Cruzeiro e Olympiacos, não conseguiu títulos. Na temporada 2017, o Chongqing Lifan terminou o Campeonato Chinês na décima colocação com 36 pontos. A equipe conta com o atacante brasileiro Alan Kardec, que vai para seu último ano de contrato na China.



Fonte: Globoesporte.com
Clique para ver a matéria no site fonte