Publicada em 10/12/2017, às 14:44

Dourado se elege o craque do BR-17 e comenta retorno à Europa: 'É a meta'

Artilheiro do Fluminense comentou o ano em entrevista ao jornal "O Jogo", de Portugal

(Foto: LUCAS MERÇON / FLUMINENSE F.C.)

A temporada de excelência de Henrique Dourado repercute na Europa. O atacante do Fluminense, artilheiro do Brasil em 2017 com 32 gols marcados, foi destaque no jornal "O Jogo", de Portugal, que publicou uma longa entrevista com o camisa 9 neste domingo. O Ceifador, "com muita modéstia" e bom humor, se elegeu o craque do Brasileirão e não escondeu o desejo de retornar ao futebol europeu, deixando o futuro em aberto no clube das Laranjeiras.

- A meta, na verdade, é voltar à Europa. Ainda tenho esta ambição, quem sabe um dia possa retornar - afirmou Dourado ao ser questionado se desejava voltar ao futebol português, antes de ressaltar que tem contrato com o Fluminense:

- Deixo o meu futuro nas mãos do Fluminense e do meu agente. Quero pegar a minha família e curtir um bom descanso. Preciso dar uma desligada do futebol, porque o ano foi bravo [risos]. Não só eu, mas outros jogadores também devem receber propostas. Cabe ao clube decidir o melhor - disse o atacante.



Antes de chegar às Laranjeiras em junho de 2016, com a missão de ser o substituto de Fred, Henrique Dourado destacou-se pelo Vitória Guimarães, em Portugal. Foram 12 gols por lá, mas a chegada no Tricolor não foi tão boa e o artilheiro começou este ano questionado. Além de superar a desconfiança, o camisa 9 ajudou na luta do Fluminense no Brasileirão.

Ao "O Jogo", Henrique Dourado comentou as dificuldades superadas pelos jogadores, que conviveram com os frequentes atrasos salariais e muitas lesões graves em 2017, destacando que o elenco não levou para campo os problemas financeiros do Tricolor.



Por fim, Henrique Dourado revelou o sonho de defender a Seleção Brasileira.




- É um dos meus sonhos, e sonhar alto não custa nada. Mas sei que tudo acontece de forma natural e penso que o mais importante é, acima de tudo, fazer um bom trabalho dentro do meu clube e jogar em alto nível. Certamente tudo isso atrai a atenção do Tite. Quem sabe mais para frente possa surgir uma oportunidade. Sempre sonhei grande - finalizou.

Fonte: Lance!
Clique para ver a matéria no site fonte