Publicada em 07/12/2017, às 15:42

Henrique Dourado abre o caderno de metas: veja quais o Ceifador cumpriu!

Atacante e artilheiro do Fluminense na temporada, Henrique Dourado estabeleceu metas individuais e coletivas no início da temporada e conseguiu alcançar vários dos objetivos

(Foto: Lucas Merçon/Fluminense F.C.)

Henrique Dourado é motivado por objetivos traçados, sejam eles individuais ou coletivos. Durante o ótimo ano que fez em 2017, o atacante revelou que havia estabelecido algumas metas em janeiro, anotando em seu caderno. Com o fim do Brasileirão, o camisa 9 revelou quais foram alcançadas e quais não foram.

LEIA MAIS

- Palmeiras descarta envolver Guerra em negócio por Scarpa; veja qual o "plano" do Verdão

- Negociações não avançam, e Fluminense desiste de contratação para 2018

- Fluminense pode ter primeiro nome garantido em 2018 para a lateral-direita, afirma jornal

- Flu quer negociar em definitivo dois jogadores emprestados em 2017

- Leia mais notícias sobre Fluminense em www.futnet.com.br/fluminense




Foram cinco pontos escritos e mantidos em segredo por Henrique Dourado:
conquistar um título, fazer a temporada com mais gols da carreira, marcar 30 vezes no ano, artilharia de um torneio e convocação para a Seleção Brasileira.

Baixe o App oficial do FutNet no Google Play Store ou na Apple App Store



Sempre quando questionado, Henrique Dourado manteve o mistério sobre as metas enquanto a temporada estava rolando. Agora, com o término do ano e com o Fluminense de férias, o centroavante explicou o motivo do segredo.

- Eu não falei dessa meta antes porque as pessoas poderiam pensar que tinha rolado uma acomodação. Do tipo "ele chegou aos 30 gols e não está se esforçando mais". A bola podia simplesmente parar de entrar - afirmou Henrique Dourado ao site oficial do Fluminense, antes de seguir:



- Aqui não tem só as metas traçadas, mas varias outras coisas pessoais. Estou muito feliz porque a gente trabalha para esses momentos. E trabalhando eu consegui alcançar, junto com a ajuda dos meus companheiros, algumas das metas que tracei. Tomara que nos próximos anos possa ter mais sucesso.

Confira as metas alcançadas pelo Ceifador!





Meta 1: 'Levantar uma taça' - O atacante conquistou a Taça Guanabara, mas queria uma conquista de maior expressão

Meta 2: 'Atingir minha melhor marca' - Ao marcar dois gols contra o Galo, o Ceifador chegou a 26 gols no ano, passando os 25 de 2015

Meta 3 : 'Fazer 30 gols no ano' - O 30º gol veio contra o São Paulo, no Maracanã. O camisa terminou o ano com 32 gols marcados

Meta 4: 'Ser artilheiro de algum campeonato' - Dourado e Jô dividiram a artilharia com 18 gols e eleitos os melhores atacantes do BR-17

Meta 5: 'Seleção Brasileira' - O objetivo não alcançado pelo Ceifador, que não foi convocado por Tite

Fonte: Lance!
Clique para ver a matéria no site fonte