Publicada em 10/11/2017, às 21:07

STJD denuncia Felipe Melo, Clayson e Daronco por episódios no Dérbi

Felipe Melo e Clayson serão julgados pela confusão no intervalo, enquanto Daronco foi denunciado por 'deixar de cumprir a regra do jogo'. Deyverson também pode ser punido

Felipe Melo pode pegar de uma a seis partidas de suspensão (Foto: Cesar Greco)

O STJD denunciou o volante Felipe Melo, do Palmeiras, e o atacante Clayson, do Corinthians, pela confusão no intervalo do Dérbi do último domingo, em Itaquera. O julgamento será na próxima quinta-feira. Deyverson, o árbitro Anderson Daronco e os dois clubes também irão para o banco dos réus.

Felipe Melo e Clayson foram enquadrados no artigo 258 do Código Brasileiro de Justiça Desportiva, por "assumirem conduta contrária à ética desportiva", e podem levar gancho de uma a seis partidas. Os dois discutiram a caminho do vestiário e foram gravados atirando objetos um contra o outro.

Baixe o App oficial do FutNet no Google Play Store ou na Apple App Store



Deyverson, atacante do Palmeiras, foi enquadrado no artigo 254-A (agressão) e pode levar de 4 a 12 partidas de suspensão se a denúncia não for desqualificada para ato hostil (punição de um a três jogos). Ele foi expulso após atingir o rosto de um adversário com o braço.

Anderson Daronco foi denunciado por "deixar de cumprir a regra do jogo" e pode ser suspenso de 15 a 120 dias. No edital de citação e intimação divulgado pelo STJD, não está especificado em qual lance o árbitro teria cometido a infração, mas ele não citou o entrevero do intervalo na súmula.

Já os clubes foram denunciados por atraso para entrar no gramado. A pena é uma multa de R$ 1 mil por minuto.



Fonte: Lance!
Clique para ver a matéria no site fonte